Quem trava o Liverpool de Jürgen Klopp? | Internacional – Alemanha, Europa, África | DW | 15.08.2019

Conheça a nova DW

Dê uma vista de olhos exclusiva à versão beta da nova página da DW. Com a sua opinião pode ajudar-nos a melhorar ainda mais a oferta da DW.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Internacional

Quem trava o Liverpool de Jürgen Klopp?

Depois de vencer a Liga dos Campeões, os 'reds' conquistaram a quarta Supertaça Europeia na história do futebol, com bis do senegalês Mané. Stéphanie Frappart foi a primeria mulher a dirigir final masculina da UEFA.

Numa final 100% inglesa, a equipa do Liverpool, orientada pelo técnico alemão Jürgen Klopp, voltou esta quarta-feira (14.08) a encantar o mundo de futebol ao bater o Chelsea por 5-4, no desempate por grandes penalidades, depois de um 2-2 no final do prolongamento.

A grande final disputada em Istambul, no Besisktas Park, entre os vencedores da Liga dos Campeões e da Liga Europa, o Chelsea adiantou-se no marcador aos 36 minutos por intermédio de Giroud.

Os vencedores da Liga dos Campeões igualaram a partida no início da segunda parte, à passagem do minuto 48, através do internacional senegalês Sadio Mané.

UEFA Super Cup - Liverpool vs Chelsea

Stéphanie Frappart dirigiu a final da Supertaça Europeia

Noite memorável para o senegalês

O mesmo Mané, no início do prolongamento (95), colocou os 'reds' na frente, mas os 'blues' estabeleceram nova igualdade, aos 101, pelo italiano de origem brasileira Jorginho, na conversão de uma grande penalidade.

No desempate por pontapés da marca da grande penalidade, o jovem Abraham do Chelsea atirou para a defesa do guarda-redes espanhol do Liverpool Adrian, que assim permitiu aos 'reds' juntarem a Supertaça à Taça dos Campeões Europeus conquistada na época passada.

Catorze anos depois, volta a ter uma noite mágica em Istambul, isto depois da épica vitória sobre o Milan na final da Liga dos Campeões em 2005, disputada no estádio Ataturk. É a quarta Supertaça Europeia do clube.

A Supertaça de Europa ficou também para a história do futebol, por ser pela primeira vez que uma árbitra, a francesa Stéphanie Frappart, dirigir uma final masculina de uma competição da UEFA.