Conflito em Moçambique entre a RENAMO e o Governo | Moçambique | DW | 15.08.2014
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Moçambique

Conflito em Moçambique entre a RENAMO e o Governo

Em 21 de outubro de 2013, a RENAMO anunciou o fim do Acordo de Paz de Roma, depois que forças governamentais atacaram a base da RENAMO no centro do país. O conflito armado durou até um acordo no dia 5 de agosto de 2014.

Militares moçambicanos depois da tomada da base da RENAMO em Satunjira, Gorongosa, Provincia de Sofala

Militares moçambicanos depois da tomada da base da RENAMO em Satunjira, Gorongosa, Provincia de Sofala

Em 21 de outubro de 2013, a RENAMO anunciou o fim do Acordo Geral de Paz de Roma, depois que forças governamentais atacaram a base da RENAMO na Gorongosa no centro do país. O conflito armado durou até o dia 5 de agosto de 2014, quando ambas as partes chegaram a um acordo de cessação das hostilidades. Saiba mais com os artigos da DW África.

Atenção: os artigos mais recentes sobre o conflito entre a RENAMO e o Governo da FRELIMO encontram-se na página www.dw.com/mocambique

Leia mais