Imigração ilegal na África do Sul | Internacional – Alemanha, Europa, África | DW | 09.07.2010
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Internacional

Imigração ilegal na África do Sul

Na África Austral, o país que conta o maior número de imigrantes é a África do Sul. Parte considerável vive sem documentos. Para aqueles que entram no país clandestinamente, as vias são diversas, relata Marta Barroso.

Refugiados da guerra de Moçambique atravessavam a maior área de animais selvagens sul-africana para entrarem na África do Sul

Refugiados da guerra de Moçambique atravessavam a maior área de animais selvagens sul-africana para entrarem na África do Sul

No mundo, cerca de 214 milhões de pessoas vivem num país que não aquele onde nasceram e desses, 20 a 30 milhões vivem no país de destino sem autorização oficial.

Lindela das Abschubszentrum

Centro de deportação Lindela: última morada para imigrantes ilegais na África do Sul?

Esta é a estimativa da Organização Internacional para as Migrações.

Na África Austral, o maior destino das migrações é a África do Sul, onde boa parte dos imigrantes vive sem documentação e sem conhecimento das autoridades.

Para aqueles que entram no país irregularmente, as vias são diversas. Se, no entanto, a saída for oficialmente forçada, para essa, só há um caminho.

Marta Barroso esteve no Parque Nacional Kruger, na África do Sul, para percorrer o caminho dos imigrantes ilegais.

Áudios e vídeos relacionados