Terrorismo em África - parte 1 - ″Boko Haram″: fundamentalistas islâmicos espalham o terror no norte da Nigéria | Internacional – Alemanha, Europa, África | DW | 26.08.2011
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Internacional

Terrorismo em África - parte 1 - "Boko Haram": fundamentalistas islâmicos espalham o terror no norte da Nigéria

Maiduguri, capital do Estado de Borno, parece uma cidade sitiada: milhares de soldados e polícias controlam estradas, abrem as malas dos automóveis e revistam casas de supeitos. Mas os ataques terroristas continuam.

Ouvir o áudio 09:27

"Boko Haram": fundamentalistas islâmicos espalham o terror no norte da Nigéria

O grupo terrorista "Boko Haram" foi fundado em 2002 por Mohammed Yussuf, um fundamentalista islâmico que - antes de ser morto pela polícia - começara a pregar contra a influência do ocidente sobre a juventude muçulmana no norte da Nigéria. Com o seu discurso radical Yussuf conseguiu reunir muitos jovens à sua volta, que continuam a espalhar o terror no norte do país.

"Boko haram", no idioma hauça, significa "o ensino moderno é pecado". O que os adeptos deste grupo radical querem é - portanto - uma sociedade livre de influências ocidentais e que se concentre nos valores fundamentais do islão e do alcorão. Observadores dizem que os combatentes do Boko Haram constituem uma séria ameaça para a paz e a unidade da Nigéria.

Uma reportagem de Thomas Mösch (DW), apresentada por António Cascais.

Leia mais

Áudios e vídeos relacionados