Sérgio Vieira: “Eu não tenho a minha versão da morte de Mondlane, mas a versão” | MEDIATECA | DW | 10.04.2014

Conheça a nova DW

Dê uma vista de olhos exclusiva à versão beta da nova página da DW. Com a sua opinião pode ajudar-nos a melhorar ainda mais a oferta da DW.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

MEDIATECA

Sérgio Vieira: “Eu não tenho a minha versão da morte de Mondlane, mas a versão”

Líder histórico da FRELIMO, Sérgio Vieira foi governador do Banco de Moçambique, deputado na Assembleia Nacional e ministro da Segurança. Foi responsável por elaborar um relatório sobre as circunstâncias do assassinato, em 1969, de Eduardo Mondlane, então presidente da FRELIMO.

Assistir ao vídeo 08:59