General diz que deslocados retornarão ″em breve″ a Mocímboa da Praia | Moçambique | DW | 09.03.2021

Conheça a nova DW

Dê uma vista de olhos exclusiva à versão beta da nova página da DW. Com a sua opinião pode ajudar-nos a melhorar ainda mais a oferta da DW.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Moçambique

General diz que deslocados retornarão "em breve" a Mocímboa da Praia

Vice-chefe do Estado Maior General das FADM diz que data de retorno será divulgada e jornalistas poderão acompanhar operação. Bertolino Capetine confirma que reabetura do troço Pemba-Palma será na mesma altura.

A população de Mocímboa da Praia deverá regressar às zonas de origem em breve. A declaração é do vice-chefe do Estados Maior General das Forças Armadas de Defesa de Moçambique (FADM), Bertolino Capetine, divulgada pela Rádio Moçambique.

Segundo a emissora estatal, Capetine – que falava no âmbito das ações em curso no Teatro Operacional Norte – teria acrescentado que o retorno da população será acompanhado da reabertura do corredor Pemba-Palma, o que liberaria o troço a Mocímboa da Praia.

"Nós vamos determinar a hora e o momento em que a comunidade deve voltar e a comunicação social vai ser convidada para testemunhar este grande acto. É só daí que vamos anunciar e comunicar as autoridades governamentais no sentido de convidar as comunidades para regressar a Mocímboa, porque é do interesse do Estado moçambicano ver Mocímboa [da Praia] em dia, a fazer aquilo que nos habituou”, disse o militar, segundo a Rádio Moçambique.

Segundo a Rádio Moçambique, o vice-chefe do Estado Maior General das FADM sublinhou que a vila de Mocímboa da Praia não está sob controlo de terroristas.

Assistir ao vídeo 01:44

Moçambique: traumas de guerra, sonhos de paz nos campos de deslocados

Leia mais