Eleições estaduais no leste da Alemanha: AfD cresce como previsto | Internacional – Alemanha, Europa, África | DW | 01.09.2019
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Internacional

Eleições estaduais no leste da Alemanha: AfD cresce como previsto

Este domingo (01.09), os eleitores votaram para os parlamentos dos estados federados de Brandemburgo e da Saxônia. AfD cresceu, SPD e CDU registaram perdas, segundo resultados parciais.

Landtagswahl in Sachsen 2019 | Jörg Urban & Jörg Meuthen, AfD (Reuters/W. Rattay)

Políticos da AfD comemoram os resultados obtidos na Saxónia

De acordo com os resultados parciais encomentados pela emissora alemã ARD, divulgados às 18 horas, diretamente após o fechamento das urnas, o partido populista de direita Alternativa para a Alemanha (AfD) cresceu nos dois parlamentos estaduais.

Na Saxônia, a União Democrata Cristã (CDU) havia conquistado 32% dos votos, o partido "A Esquerda" ficou com 10,5%, o Partido Social-Democrata (SPD) obteve 8%, a Alternativa para a Alemanha (AfD) obteve 27,5%, "Os Verdes" ficaram com 9%, o Partido Democrático Livre (FDP) obteve 4,8% dos votos e 8,2% dos eleitores fizeram outras opções.

Já em Brandemburgo, também de acordo com os mesmos resultados parcias, o SPD obteve 27,5% dos votos, a AfD ficou com 22,5%, a CDU obteve 15,5%, o partido A Esquerda ficou com 11%, "Os Verdes" obtiveram 10%, o partido "Eleitores Livres" obteve 5% e o FDP ficou com 4,8% dos votos.

Landtagswahl in Brandenburg (picture-alliance/dpa/M. Skolimowska)

Assembleia de voto em Brandemburgo

Forte afluência às urnas

Nas eleições estaduais em Brandemburgo e na Saxônia viram um comparecimento significativamente maior dos eleitores este domingo (01.09) do que nas parlamentares passadas.

A afluência às urnas em ambos os estados federados cresceu muito em comparação com as eleições para o Parlamanto Federal: em Brandenburgo, subiu17,1% e na Saxônia, 15,9%.

Na Saxónia, 3,3 milhões de pessoas têm direito ao voto e em Brandemburgo, 2,1 milhões de pessoas que têm o direito. As assembleias de voto estiveram abertas até às 18 horas.

Em ambos os estados federais, as perdas registadas pela União Democrata Cristã (CDU) e pelo Partido Social-Democrata da Alemanha (SPD) já eram esperadas, da mesma forma que o crescimento do partido populista de direira Alternativa para a Alemanha (AfD). Tendo em vista o bom desempenho dos populistas de direita, as eleições no leste terão um importante papel político importante a nível nacional.

Leia mais