Polícia alemã reforça segurança em mercados de Natal | Notícias sobre política, economia e sociedade da Alemanha | DW | 02.12.2017
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Polícia alemã reforça segurança em mercados de Natal

Medida foi tomada após evacuação de feira em Potsdam. Autoridades, no entanto, afirmam que pacote suspeito encontrado na sexta-feira não continha explosivos.

Os Mercados de Natal do Estado alemão de Brandemburgo tiveram a segurança reforçada neste sábado (02/12), um dia após a polícia ter ordenado a evacuaçãode uma dessas feiras em Potsdam quando um pacote suspeito foi encontrado nas proximidades. Segundo o governo local, as patrulhas policiais nesses eventos foram redobradas.

As autoridades, no entanto, afirmaram que consideram improvável que o mercado de Potsdam era de fato o alvo nesse episódio. Dentro do pacote foi encontrado uma mistura de pregos, um pó não identificado, cabos e baterias –  elementos de uma bomba caseira –, mas não havia nenhum tipo de detonador. "Nenhum explosivo foi achado”, disse Andreas Shuster, chefe de polícia de Brandemburgo.

A polícia foi alertada sobre o pacote pelo  funcionário de uma farmácia nas proximidades do mercado, que aparentemente recebeu o pacote de um mensageiro. Ao ver parte do conteúdo, ele chamou a polícia. Logo depois, as autoridades decidiram evacuar a farmácia, prédios vizinhos e próprio mercado – o que levou a especulações de que a feira natalina era alvo de uma ameaça terrorista. O pacote não tinha remetente. A polícia agora trabalha para identificar quem teria mandado a embalagem com a falsa bomba.

As autoridades da Alemanha têm se mantido em alerta nas últimas semanas, desde o início da temporada natalina. Em dezembro de 2016, um refugiado tunisiano, que havia tido seu pedido de asilo recusado pelas autoridades alemãs, sequestrou e matou um caminhoneiro polonês. Após se apossar do veículo, ele avançou e atropelou frequentadores de um mercado de Natal em Berlim, matando 11 pessoas e ferindo dezenas. Ele conseguiu fugir do local e foi morto pela polícia em Milão, na Itália, quatro dias depois. O Estado Islâmico (EI) reivindicou o ataque.

___________

A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas. Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube | WhatsApp | App

JPS/efe/dpa

Leia mais