Berlim planeja controles na internet para prevenir terrorismo | Notícias internacionais e análises | DW | 23.08.2006

Conheça a nova DW

Dê uma olhada exclusiva na versão beta da nova DW. Sua opinião nos ajudará a torná-la ainda melhor.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages
Publicidade

Mundo

Berlim planeja controles na internet para prevenir terrorismo

Governo se declarou disposto a aumentar recursos financeiros para autoridades da segurança, reforçando inclusive controle na internet. Segundo suspeito dos atentados fracassados está sendo procurado internacionalmente.

Buscas no prédio em que suspeito vivia em Colônia

Buscas no prédio em que suspeito vivia em Colônia

Existe consenso no gabinete ministerial quanto à necessidade de um maior controle dos conteúdos de websites, declarou em Berlim, nesta quarta-feira (23/08), o porta-voz do governo Thomas Steg. O governo federal estaria disposto a disponibilizar mais recursos financeiros para as tarefas de prevenção de ataques terroristas. Entre outras medidas, estaria prevista a avaliação dos conteúdos de páginas da internet por especialistas que dominem idiomas estrangeiros.

O presidente da Alemanha, por sua vez, advertiu de reações exageradas à ameaça terrorista no país. "Não se pode entrar em pânico", alertou Horst Köhler. Teria ficado claro que "o terrorismo não conhece fronteiras", mas também que a cooperação internacional é capaz de dar frutos no combate a ele.

Busca do segundo suspeito

Terror Deutschland Ermittlung Fahndungsplakat Dschihad Hamad Bahn-Attentäter

Cartaz de busca de Jihad Hamad

A Procuradoria Geral da República expediu mandado de prisão também contra o segundo suspeito dos fracassados atentados a bomba do dia 31 de julho, cujo nome é dado como Jihad Hamad. Libanês, como também o primeiro suspeito, detido desde o último sábado, o rapaz de 20 anos morava em Colônia e está foragido.

Em entrevista à DW-TV, o presidente do Departamento Federal de Investigações (BKA), Jörg Ziercke, afirmou que Hamad está sendo procurado também no exterior. A probabilidade de que ele tenha fugido para o Líbano é grande, acrescentou.

Link relacionado:

Leia mais