Presos três suspeitos de envolvimento no derrame de gasóleo na baía de Pemba | Moçambique | DW | 05.08.2021

Conheça a nova DW

Dê uma vista de olhos exclusiva à versão beta da nova página da DW. Com a sua opinião pode ajudar-nos a melhorar ainda mais a oferta da DW.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Moçambique

Presos três suspeitos de envolvimento no derrame de gasóleo na baía de Pemba

Detidos foram vistos numa pequena embarcação na hora e no local onde se presume que ocorreu o incidente. Ação de contrabando causou o derrame de 5 mil litros de gasóleo na costa da capital de Cabo Delgado.

Mosambik Ölgewinnung am Strand

População a retirar o líquido para uso particular

Três pessoas foram detidas e a sua embarcação confiscada por suspeitas de envolvimento no roubo de combustível que resultou num derrame na baía de Pemba, norte de Moçambique.

A informação foi confirmada por Taucali Avelino, membro da administração marítima local, em entrevista ao jornal Notícias. Segundo o administrador os três homens foram vistos a bordo de uma embarcação de pequeno porte na sexta-feira (30.07), na zona onde se presume que aconteceu o derrame e no período em que a navegação marítima é proibida na área.

Danos ambientais

O Ministério da Energia e Recursos Minerais (Mireme) anunciou em comunicado na terça-feira (02.08) que 5 mil litros de gasóleo foram derramados durante uma ação de contrabando de combustível. O material apareceu na praia da cidade de Pemba, na manhã do dia 31.

 Treibstoffunfall in der Bucht von Pemba, Nordmosambik

Gasóleo vazou na baía de Pemba

A nota avança que o despejo de combustível afetou diretamente uma área de 3 mil metros quadrados. O Mireme refere ainda que a fauna marinha da Baía de Pemba não ficou contaminada com o combustível derramado, apontando o contrabando como causa do incidente.

A informação consta dos resultados de uma averiguação realizada por uma "equipa multissetorial" constituída pelo Governo, após o aparecimento de combustível, na manhã de sexta-feira (30.07), na praia de Sagal, na baía de Pemba, província de Cabo Delgado, referiu em comunicado o Ministério dos Recursos Minerais e Energia.

No domingo, o diretor de Infraestruturas de Cabo Delgado, Norte Uali, disse à comunicação social que o despejo de combustível terá acontecido quando desconhecidos protagonizavam o roubo do gasóleo no porto de Pemba para o descarregar num barco. O aparecimento de gasóleo levou a população a retirar o líquido para uso particular, afirmou Uali.

Assistir ao vídeo 01:59

Os perigos da ingestão de microplásticos

Leia mais

Áudios e vídeos relacionados