1. Pular para o conteúdo
  2. Pular para o menu principal
  3. Ver mais sites da DW
Montagem com fotos de Lula e Bolsonaro
Em relação à última pesquisa Datafolha, publicada em 23 de junho, Bolsonaro subiu um ponto, e Lula permaneceu com o mesmo percentual

Datafolha mostra Lula 18 pontos à frente de Bolsonaro

29 de julho de 2022

Levantamento é o primeiro após lançamento oficial das candidaturas e após Congresso aprovar amplo pacote de benefícios sociais. Em um eventual segundo turno, petista venceria por 55% contra 35% do atual presidente.

https://p.dw.com/p/4Enzx

Uma nova pesquisa Datafolha divulgada na noite desta quinta-feira (28/07) mostra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) com 47% das intenções de votos na corrida ao Palácio do Planalto, 18 pontos à frente do presidente Jair Bolsonaro (PL), que tem 29%.

Em relação à última pesquisa Datafolha, publicada em 23 de junho, Bolsonaro subiu um ponto, e Lula permaneceu com o mesmo percentual.

O Datafolha ouviu 2.566 eleitores em 183 municípios nesta quarta e quinta-feira. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

Em terceiro lugar, aparece o ex-governador de Ceará Ciro Gomes (PDT), com 8%, mesmo patamar da pesquisa anterior. Simone Tebet (MDB)tem 2%, e André Janones (Avante), Pablo Marçal (Pros) e Vera Lúcia (PSTU) aparecem com 1% cada. Votos em branco e nulos somam 6% e não sabem/não opinaram, 3%.

A pesquisa foi a primeira após o lançamento oficial das principais candidaturas e também a primeira após o Congresso aprovar um grande pacote de auxílios sociais, que ainda parece não ter se refletido positivamente para Bolsonaro.

Considerando apenas os votos válidos - que excluem brancos/nulos - Lula aparece com 52%, e poderia já vencer no primeiro turno. Bolsonaro registra 32% dos válidos. O terceiro colocado, Ciro Gomes, aparece com 9%.

Lula lidera entre mais pobres, e Bolsonaro, entre mais ricos

O ex-presidente petista segue o mais popular entre os que ganham até dois salários mínimos (54% das intenções de voto). Já Bolsonaro vence entre quem ganha de cinco a dez salários (44% dos votos).

Bolsonaro teve uma subida de seis pontos percentuais entre o eleitorado feminino, somando agora 27%, ante os 46% de Lula. O ex-presidente, por outro lado, aumentou em quatro pontos a vantagem entre o eleitorado masculino, ficando agora 48% das intenções de voto, frente a 32% de Bolsonaro.

Na região Norte, os dois principais candidatos aparecem praticamente empatados: 41% para Lula e 39% para Bolsonaro. O ex-presidente lidera no Sudeste (43% a 28%) e no Nordeste (59% a 24%). O Datafolha ainda não divulgou os resultados nas regiões Sul e Centro-Oeste.

Apesar da farra dos pastores, Bolsonaro ampliou a vantagem entre o eleitorado evangélico, aparecendo agora com 43% (antes tinha 40%). Neste recorte, Lula caiu de 35% para 33%.

Pesquisa espontânea

O Datafolha também divulgou número da pesquisa espontânea, quando opções de voto não são apresentadas aos entrevistados.

O ex-presidente Lula aparece em primeiro lugar, com 38% das intenções de voto, um ponto a mais do que no último levantamento. Bolsonaro tem 26%, um ponto a menos que na pesquisa anterior.

Segundo turno

Em um eventual segundo turno, Lula venceria com 55% dos votos, contra 35% de Bolsonaro. Entre os entrevistados, 7% disseram que não votariam em nenhum dos dois candidatos, e 2% se mostraram indecisos. No levantamento anterior, de junho, Lula venceria por 57% a 34%.

Em um cenário entre Lula e Ciro, o ex-presidente venceria por 52% a 33%, com 14% de votos nulos ou brancos e 2% de indecisos. 

Em uma disputa com Bolsonaro, Ciro venceria com 51% dos votos contra 38% do atual presidente. Brancos e nulos somariam 10% e indecisos, 2%.

le/lf (ots)