Mais dois casos de Covid-19 em Moçambique | Moçambique | DW | 22.04.2020

Conheça a nova DW

Dê uma vista de olhos exclusiva à versão beta da nova página da DW. Com a sua opinião pode ajudar-nos a melhorar ainda mais a oferta da DW.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Moçambique

Mais dois casos de Covid-19 em Moçambique

Subiu de 39 para 41 o número de infeções pelo novo coronavírus em Moçambique, segundo o Ministério da Saúde. Na terça-feira, as autoridades confirmaram a primeira morte de um moçambicano por Covid-19, na Alemanha.

"Dos 84 testados nas últimas 24 horas, 82 revelaram-se negativos para a infeção da covid-19 e dois foram positivos. Com isso, neste momento o nosso país conta com 41 casos positivos", anunciou esta quarta-feira (22.04) Rosa Marlene, Diretora Nacional de Saúde Pública.

A responsável falava durante a conferência de imprensa de atualização de dados no Ministério da Saúde em Maputo.

Assistir ao vídeo 02:32

Moçambique: Professor sai às ruas para sensibilizar pessoas contra Covid-19

Os dois novos casos dizem respeito a cidadãos de nacionalidade sul-africana e resultam de uma investigação sobre as ramificações de um primeiro caso de infeção pelo novo coronavírus, anunciado em 02 de abril, descoberto em Afungi, Cabo Delgado, na área do projeto para a exploração de gás no Norte de Moçambique liderado pela francesa Total.

"Os dois casos não apresentam sintomatologia e estão em isolamento em Afungi ", avançou Rosa Marlene, acrescentando que as autoridades vão identificar os contactos destes novos dois pacientes para testá-los e acompanhá-los.

Apenas trabalhos essenciais estão a ser realizados nas obras do megaprojeto para exploração de gás liderado pela Total no norte do país, após descoberta de novos casos de infeção pelo novo coronavírus no local.

Moçambicano morreu na Alemanha vítima de Covid-19

Do total de 41 casos registados, oito dos quais já recuperados, 33 são de transmissão local e oito são importados, tendo as autoridades efetuado um total de 1.247 testes desde o primeiro caso, anunciado a 22 de março. Moçambique não tem registo de vítimas mortais devido à pandemia de Covid-19.

Na terça-feira, o Ministério da Saúde anunciou que um cidadão moçambicano que vivia na Alemanha morreu devido à Covid-19.

Tratava-se de um homem que vivia no país desde a década de 1980, segundo a Diretora Nacional de Saúde Pública, que não avançou detalhes sobre o caso.

Leia mais