Golpe de Estado na Guiné-Bissau | Especiais | DW | 16.05.2012
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Especiais

Golpe de Estado na Guiné-Bissau

No dia 12 de abril de 2012, um autodenominado "Comando Militar" tomou o poder em Bissau. Destituiu o presidente interino, Raimundo Pereira, e o primeiro-ministro, Carlos Gomes Júnior. Saiba mais com o especial da DW.

Porta da casa particular de Carlos Gomes Júnior vandalizada durante o golpe de abril de 2012

Porta da casa particular de Carlos Gomes Júnior vandalizada durante o golpe de abril de 2012

No dia 12 de abril de 2012 um autodenominado "Comando Militar" tomou o poder em Bissau. Destituiu o presidente interino, Raimundo Pereira, e o primeiro-ministro, Carlos Gomes Júnior. Saiba mais sobre o levantamento militar neste especial da DW África.

Na foto: a casa particular de Carlos Gomes Júnior depois da sua detenção pelos militares revoltados.

Leia mais