Volks assume patrocínio da seleção alemã | Siga a cobertura dos principais eventos esportivos mundiais | DW | 14.07.2017

Conheça a nova DW

Dê uma olhada exclusiva na versão beta da nova DW. Sua opinião nos ajudará a torná-la ainda melhor.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages
Publicidade

Esporte

Volks assume patrocínio da seleção alemã

Companhia sediada em Wolfsburg substitui a partir de 2019 a Mercedes-Benz, que ocupava o posto de patrocinadora desde 1972. Contrato com campeões mundiais vai até 2024 e envolve 30 milhões de euros ao ano.

Logomarca da Volkswagen é estendida em gramado de estádio alemão

Logomarca da Volkswagen é estendida em gramado de estádio alemão

A montadora Volkswagen anunciou nesta sexta-feira (14/07) que a partir de 2019 passa a ser a principal patrocinadora da seleção alemã de futebol, substituindo sua concorrente Mercedes-Benz.

O novo acordo para patrocinar os atuais campeões mundiais foi fechado no momento em que a Volks luta para digerir as consequências do chamado "Dieselgate", escândalo de fraude de emissões. A Daimler, dona da Mercedes, também enfrenta acusações de ter manipulado testes de emissões de poluentes.

O casamento publicitário entre a Volkswagen e a seleção alemã começa em 1° de janeiro de 2019 e vai até 31 de julho de 2024. A Mercedes patrocinava a DFB desde 1972, e há 27 anos tinha o posto de principal parceiro publicitário.

Nenhum detalhe financeiro foi divulgado, mas o jornal Frankfurter Allgemeine informou que a Volks deve pagar à Federação Alemã de Futebol (DFB) de 25 a 30 milhões de euros por ano, cerca de três vezes mais do que a Daimler vinha pagando.

"A Volkswagen e a número um do esporte nacional é uma grande parceria", disse Herbert Diess, CEO da marca Volkswagen, afirmando que a companhia se compromete com "todo o futebol alemão, com seus 25 mil clubes e sete milhões de membros (da federação)".

MD/afp/dpa

Leia mais