Volks assume patrocínio da seleção alemã | Siga a cobertura dos principais eventos esportivos mundiais | DW | 14.07.2017
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Volks assume patrocínio da seleção alemã

Companhia sediada em Wolfsburg substitui a partir de 2019 a Mercedes-Benz, que ocupava o posto de patrocinadora desde 1972. Contrato com campeões mundiais vai até 2024 e envolve 30 milhões de euros ao ano.

Logomarca da Volkswagen é estendida em gramado de estádio alemão

Logomarca da Volkswagen é estendida em gramado de estádio alemão

A montadora Volkswagen anunciou nesta sexta-feira (14/07) que a partir de 2019 passa a ser a principal patrocinadora da seleção alemã de futebol, substituindo sua concorrente Mercedes-Benz.

O novo acordo para patrocinar os atuais campeões mundiais foi fechado no momento em que a Volks luta para digerir as consequências do chamado "Dieselgate", escândalo de fraude de emissões. A Daimler, dona da Mercedes, também enfrenta acusações de ter manipulado testes de emissões de poluentes.

O casamento publicitário entre a Volkswagen e a seleção alemã começa em 1° de janeiro de 2019 e vai até 31 de julho de 2024. A Mercedes patrocinava a DFB desde 1972, e há 27 anos tinha o posto de principal parceiro publicitário.

Nenhum detalhe financeiro foi divulgado, mas o jornal Frankfurter Allgemeine informou que a Volks deve pagar à Federação Alemã de Futebol (DFB) de 25 a 30 milhões de euros por ano, cerca de três vezes mais do que a Daimler vinha pagando.

"A Volkswagen e a número um do esporte nacional é uma grande parceria", disse Herbert Diess, CEO da marca Volkswagen, afirmando que a companhia se compromete com "todo o futebol alemão, com seus 25 mil clubes e sete milhões de membros (da federação)".

MD/afp/dpa

Leia mais