1. Pular para o conteúdo
  2. Pular para o menu principal
  3. Ver mais sites da DW
Justin Trudeau discursa em Montreal
Em Montreal, Trudeau disse aos apoiadores que os eleitores haviam dado aos liberais "um mandato claro"Foto: Andrej Ivanov/AFP/Getty Images
PolíticaCanadá

Trudeau vence eleição no Canadá, mas sem obter maioria

21 de setembro de 2021

Premiê convocou eleição antecipada justamente para retornar a um governo de maioria. Resultado é muito semelhante à composição atual do Parlamento.

https://www.dw.com/pt-br/trudeau-vence-elei%C3%A7%C3%A3o-no-canad%C3%A1-mas-sem-obter-maioria/a-59248541

O Partido Liberal (LP), do primeiro-ministro Justin Trudeau, venceu as eleições legislativas no Canadá, segundo a contagem ainda parcial da autoridade eleitoral divulgada na manhã desta terça-feira (21/09).

Com 98% dos votos contados, os liberais obtiveram 158 cadeiras, ou uma a mais do que têm hoje, e abaixo das 170 necessárias para obter maioria no parlamento.

Já os conservadores conseguiram 119 assentos, ou dois a menos do que obtiveram na eleição anterior, em 2019. Trudeau governa o país norte-americano desde 2015, e desde 2019 num governo minoritário.

Em Montreal, Trudeau disse aos apoiadores que os eleitores haviam dado aos liberais "um mandato claro", embora não com a maioria absoluta que ele pediu durante a campanha eleitoral.

Assim, o líder liberal terá de negociar com outros partidos, provavelmente o Novos Democratas (NPD), que obteve 25 cadeiras, e o Bloc Québécois (BQ), que tem 34 lugares, para formar um novo governo.

Foi justamente para sair da situação minoritária que Trudeau havia convocado uma eleição antecipada, em meados de agosto, para tentar recuperar a maioria que havia perdido dois anos antes.

O oposição criticou a decisão, argumentando que a votação era desnecessária e só servia às ambições pessoais de Trudeau.

O líder do Partido Conservador, Erin O'Toole, admitiu a derrota, mas salientou que os canadenses negaram a Trudeau a maioria absoluta.

Avaliação semelhante fez o cientista político Daniel Beland, da Universidade McGill, de Montreal. "Trudeau perdeu a sua aposta de que iria obter maioria, então eu diria que esta é uma vitória com gosto amargo para ele."

as (Lusa, AP)