Time da quarta divisão causa furor no DFB-Pokal | Siga a cobertura dos principais eventos esportivos mundiais | DW | 09.06.2020
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages
Publicidade

Coluna Halbzeit

Time da quarta divisão causa furor no DFB-Pokal

Saarbrücken bate times da Bundesliga e vai enfrentar Bayer Leverkusen na semifinal da Copa da Alemanha. Torneio é conhecido por pregar peças em times da elite do futebol em confrontos com equipes de ligas inferiores.

Saarbrückens Mannschaft Jubelt nach dem Sieg Saarbrückens Torwart Daniel Batz hat den entscheidenden Elfmeter gehalten (Imago Images/T. Wieck)

Jogadores Saarbrücken após a vitória contra o Fortuna Düsseldorf

A Copa da Alemanha, o lendário DFB-Pokal, costuma pregar suas peças em times da elite do futebol alemão que enfrentam equipes das divisões inferiores. Em 1992, por exemplo, o Hannover 96, da segunda divisão, eliminou quatro times da Bundesliga antes de levantar o troféu na final contra o Borussia M'Gladbach.

Houve até casos de clubes da terceira divisão que conseguiram chegar à final, mas que finalmente tiveram que se curvar frente a adversários mais poderosos. Foi o caso dos amadores do Hertha Berlim II (1993) assim como o Energie Cottbus (1997) e o Union Berlin (2001). 

Em 2015, o Arminia Bielefeld, também da terceira divisão, chegou à semifinal depois de eliminar três clubes tradicionais – Hertha Berlim, Werder Bremen e Gladbach. Acabou sendo derrotado pelo Wolfsburg que se tornaria campeão da Copa daquele ano.

Teve ainda, pasmem, duas equipes da quarta divisão que foram até as quartas de final do Pokal. O Magdeburg acabou perdendo do Schalke 04 em 2001 e o Holstein Kiel foi eliminado pelo Borussia Dortmund em 2012.

A surpresa maior, entretanto, fica mesmo por conta do Saarbrücken da quarta divisão (Regional Sudoeste) na atual temporada. Apesar de não ter sido bafejado pela sorte no sorteio dos confrontos, o tradicional clube está na semifinal do torneio quando enfrentará o Leverkusen.

Conseguiu essa proeza depois de superar quatro times das duas divisões mais importantes do futebol profissional da Alemanha. Passou por cima do Jahn Regensburg e Karlsruhe, ambos da "Segundona” além do Colônia e Fortuna Düsseldorf da Bundesliga.

Os quatro confrontos foram dramáticos. Nas duas primeiras rodadas, o Saarbrücken venceu o Regensburg e o Colônia pelo mesmo placar de 3 a 2 com os gols da vitória marcados nos últimos minutos. Já as partidas subsequentes foram para a decisão por cobrança de penalidades máximas.

O herói do jogo nas quartas de final contra o Fortuna Düsseldorf foi o goleiro Daniel Batz que defendeu nada menos do que cinco (!) pênaltis, um no tempo regulamentar e quatro na decisão por cobrança de penalidades, visto que o jogo terminou com o placar de 1 a 1. 

É a primeira vez em 85 anos de história da Copa da Alemanha que uma equipe da quarta divisão consegue chegar entre os quatro melhores do torneio. Vai enfrentar o Bayer Leverkusen e, como não tem nada a perder, pode se dar ao luxo de entrar em campo como franco atirador. De qualquer modo, já entrou para os livros de história do Pokal e a cereja do bolo poderá ser uma vitória sobre o time da Aspirina.

Vale lembrar que o Saarbrücken foi um dos clubes fundadores da Bundesliga em 1963 e desde então perambula entre a primeira e a quinta divisão. Marcou presença em cinco temporadas da Bundesliga, a última vez em 1993. Atualmente está na Liga Regional Sudoeste e quando o campeonato foi abruptamente encerrado por conta da pandemia do covid-19, ocupava o primeiro lugar na tabela de classificação.

Na qualidade de líder da competição, acabou sendo declarado campeão e como tal adquiriu o direito de subir para a terceira divisão, onde esteve pela última vez em 2014.  Era esse o seu objetivo declarado ao início da atual temporada. Para tanto, contratou alguns jogadores com experiência nas divisões superiores como o atacante Markus Mendler (Nuremberg), o meio campista Fanol Perdedaj (Hertha) e o zagueiro Cristopher Schorch (Colônia e Hertha), reforçando assim todos os setores da equipe.

Porém, antes de se estabelecer na terceira classe do futebol alemão, o tradicional Saarbrücken terá a oportunidade de causar mais furor do que já causou nessa Copa. Para tanto, basta vencer o Leverkusen e escrever o capítulo mais surpreendente na história do DFB-Pokal que, não nos esqueçamos, antes da fundação da Bundesliga em 1963, era considerado o torneio de futebol mais importante no país.

Gerd Wenzel começou no jornalismo esportivo em 1991 na TV Cultura de São Paulo, quando pela primeira vez foi exibida a Bundesliga no Brasil. Desde 2002, atua nos canais ESPN como especialista em futebol alemão. Semanalmente, às quintas, produz o Podcast "Bundesliga no Ar". A coluna Halbzeit sai às terças. Siga-o no TwitterFacebook e no site Bundesliga.com.br

_____________

A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas. Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube 
App | Instagram | Newsletter

Leia mais