Temer vai aguardar escolha de relator da Lava Jato para indicar substituto de Teori | Notícias e análises sobre os fatos mais relevantes do Brasil | DW | 21.01.2017
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Brasil

Temer vai aguardar escolha de relator da Lava Jato para indicar substituto de Teori

Presidente afirma que só indicará novo ministro do STF após a corte decidir quem vai ficar com relatoria da Operação Lava Jato. Teori, que era o relator, morreu em queda de avião.

O presidente da República, Michel Temer, disse neste sábado (21/01) que vai aguardar a indicação, pelo Supremo Tribunal Federal (STF), de um novo relator para os processos da Operação Lava Jato para só então escolher um nome para substituir o ex-ministro Teori Zavascki na corte. "Só depois que houver a indicação do relator", disse. Teori era o relator da Lava Jato no STF e morreu nesta quinta-feira em um acidente aéreo em Paraty, no Rio de Janeiro.

O regimento do STF prevê que a ministra Cármen Lúcia, presidente da corte, pode decidir se os processos da Operação Lava Jato serão distribuídos entre outros membros do STF ou se serão herdados pelo novo ministro, a ser nomeado por Temer. Para chegar à corte, o substituto deverá passar por uma sabatina na Comissão de Constituição de Justiça do Senado e ter o nome aprovado pelo plenário da casa parlamentar.

Temer chegou ao velório de Teori, em Porto Alegre, tecendo elogios ao magistrado. "É um homem de bem. O que o Brasil precisa cada vez mais é de homens com a competência pessoal, moral e profissional do ministro Teori. Que Deus o conserve na memória dos brasileiros como um exemplo a ser seguido", disse. "É uma perda lamentável para o país e para a classe jurídica", acrescentou. O corpo de Teori é velado na sede do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, na capital gaúcha.

AS/abr/efe

Leia mais