Organizadores cancelam segundo debate entre Trump e Biden | Política | DW | 10.10.2020

Conheça a nova DW

Dê uma olhada exclusiva na versão beta da nova DW. Sua opinião nos ajudará a torná-la ainda melhor.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Estados Unidos

Organizadores cancelam segundo debate entre Trump e Biden

Presidente se recusou a participar de embate virtual com democrata no dia 15 de outubro. Formato havia sido proposto após republicano testar positivo para covid-19. Debate do dia 22 está mantido.

Bildkombo Trump Biden

Trump e Biden travaram debate caótico no fim de setembro. Republicano está atrás nas pesquisas e insistiu em novo embate presencial

A Comissão de Debates Presidenciais dos EUA anunciou nesta sexta-feira (09/10) que cancelou confronto entre o republicano Donald Trump e o democrata Joe Biden, previsto para a próxima quinta-feira, dia 15, em Miami, Flórida.

Depois do anúncio de que o presidente havia contraído covid-19, o comitê havia decidido que o debate seria realizado virtualmente, mas Trump se recusou a participar de um evento neste formato.

"Hoje está claro que não haverá debate em 15 de outubro", escreveu a comissão em um comunicado, destacando que vai se concentrar nos "preparativos para o terceiro e último debate presidencial, previsto para 22 de outubro", em Nashville, no estado do Tennessee.

Esperava-se que no debate de Miami os eleitores fizessem perguntas diretas aos candidatos.

Na quinta-feira, diante da dificuldade em transmitir um debate, a emissora ABC, anunciou que organizará  um evento que contará apenas com Biden no dia 15 de outubro. Com mediação de um jornalista da emissora, Biden irá responder a perguntas de eleitores.

Após o cancelamento, Andrew Bates, porta-voz do candidato democrata, disse que Trump "é vergonhoso que Donald Trump tenha se esquivado do único debate em que os eleitores poderiam fazer perguntas, mas não é uma surpresa".

Após o anúncio do debate virtual, a equipe de Trump acusou os organizadores de planejarem evitar um confronto direto entre o presidente, que tenta a reeleição, e Biden.

A equipe de Trump queria que o debate de 15 de outubro fosse adiado para realizar um único encontro final, no dia 29, cinco dias antes das eleições, mas Biden recusou, apoiando o formato virtual na data original.

Os dois políticos tiveram um primeiro confronto em 29 de setembro em Cleveland, Ohio. Foi um debate caótico de quase uma hora e meia, repleto de insultos e interrupções.

JPS/afp/ots

 

Leia mais