Com dois de Benzema, França passa por Honduras | Fique informado sobre tudo o que acontece na Copa do Mundo | DW | 15.06.2014
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Com dois de Benzema, França passa por Honduras

Após primeiro tempo violento e expulsão hondurenha, atacante do Real Madrid brilha e coloca França na liderança do Grupo E. Tecnologia da linha do gol entra em ação e confirma gol para os franceses.

A França estreou neste domingo (16/06) com vitória tranquila por 3 a 0 contra Honduras, no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre. Depois de primeiro tempo faltoso, o meia Palacios, de Honduras, foi expulso e facilitou o jogo para a seleção francesa. Karim Benzema marcou duas vezes e se igualou a Neymar, Van Persie e Robben na artilharia provisória da Copa.

Antes do apito inicial, o confronto foi marcado por uma gafe: os hinos nacionais não foram tocados. Os jogadores, já perfilados, tiveram que partir diretamente para os comprimentos e continuar o aquecimento, aguardando o horário exato do início da partida. Mais tarde, um comunicado oficial da Fifa confirmou que houve um problema técnico no sistema de som do estádio.

WM 2014 Gruppe E 1. Spieltag Frankreich Honduras

Karim Benzema, o homem do jogo, marca seu primeiro gol cobrando pênalti no fim do primeiro tempo

De um lado, hondurenhos motivados para alcançar a sua primeira classificação às oitavas de final, do outro uma equipe que sofreu com o recente corte de seu maior astro Franck Ribéry. O jogo começou igual entre as duas equipes, com Honduras surpreendentemente mantendo a posse. Grande parte da torcida no Beira-Rio, desde cedo, se posicionou a favor dos hondurenhos, vaiando a França cada vez que eles tinha a posse de bola, chegando a ensaiar um grito de "olé" quando a equipe da América Central trocava passes.

Mas aos poucos, a França foi se impondo em campo. Aos 14 minutos, Valbuena cobrou falta pelo lado direito do ataque francês, a bola rebateu na defesa e sobrou livre para Matuidi, que dominou e chutou forte. O goleiro Valladares fez boa defesa e a bola ainda resvalou no travessão.

Aos 22 minutos, em jogada rápida pela esquerda, o meio-campista Griezmann recebeu bom cruzamento na área e cabeceou: pela segunda vez, a França parou no travessão do goleiro Valladares. Aos 24 minutos, em saída rápida de bola dos franceses, Benzema recebeu na área e cabeceou, novamente com perigo, para o gol hondurenho.

WM 2014 Gruppe E 1. Spieltag Frankreich Honduras Tor 2:0

No segundo gol, a tecnologia da linha do gol ajudou o árbitro brasileiro Sandro Ricci a assinalar o correto: gol

O jogo era disputado e, por vezes, até violento. Uma disputa de bola entre Palacios e Pogba, aos 25 minutos, rendeu cartões amarelos para os dois jogadores. O lance acabou gerando uma pequena confusão em campo, rapidamente apartada.

A França aumentou o volume de jogo, até que aos 44 minutos, após cruzamento para a área, Palacios derrubou Pogba e o árbitro assinalou o pênalti. Como Palacios já tinha cartão amarelo, acabou sendo expulso da partida. Benzema cobrou bem, deslocou o goleiro, e abriu o marcador em Porto Alegre. Com posse de bola de 63%, os franceses foram para o intervalo com o domínio amplo da partida.

O treinador da seleção de Honduras tentou remanejar a equipe e tirou um atacante e colocou um meia para povoar o meio-campo. Mas logo aos 2 minutos, Benzema recebeu cruzamento de Cabaye na área e finaliza no canto oposto do goleiro. A bola bate na trave, no próprio goleiro e entra por poucos centímetros. O árbitro brasileiro Sandro Meira Ricci assinalou gol contra do goleiro Valladares.

WM 2014 Gruppe E 1. Spieltag Frankreich Honduras Foul

Palacios (branco) e Pogba se desentenderam no primeiro tempo. Amarelo para ambos ficou barato

Pela primeira vez nesta Copa do Mundo, a nova tecnologia da linha do gol foi utilizada para tirar a dúvida em um lance polêmico. E, segundo o sistema eletrônico, a bola, por muito pouco, ultrapassou a linha do gol.

A França seguiu dominando e aos 26 minutos, Benzema sacramentou sua boa atuação e marcou o terceiro da França. Valbuena cobrou falta pela direita e encontrou Matuidi, que chutou forte. A bola rebateu na defesa e sobrou para o camisa 9 francês, que dominou e completou para o gol.

Com os três pontos garantidos, a França cadenciou a partida até o apito final. Na próxima rodada do Grupo E, a França enfrenta a Suíça na sexta-feira (20/06), em Salvador. No mesmo dia, Honduras enfrenta o Equador, em Curitiba.

Ficha técnica

França 3 x 0 Honduras

Local: Estádio Beira-Rio, Porto Alegre

Arbitragem: Sandro Meira Ricci (Brasil), auxiliado pelos seus compatriotas Émerson de Carvalho e Marcelo van Gasse.

Gols: Karim Benzema (pen. 44'/1T e 27'/2T), Noel Valladares (g.c. 3'/2T)

Cartões amarelos: Patrice Evra (7'/1T), Wilson Palacios (27'/1T), Paul Pogba (27'/1T), Yohan Cabaye (46'/1T), Boniek García (7'/2T), Luis Garrido (37'/2T)

Cartão vermelho: Wilson Palacios (42'/1T)

França: Hugo Lloris; Mathieu Debuchy, Raphaël Varane, Mamadou Sakho e Patrice Evra; Yohan Cabaye (Rio Mavuba 19'/2T), Paul Pogba (Moussa Sissoko 11'/2T), Blaise Matuidi; Mathieu Valbuena (Olivier Giroud 32'/2T), Antoine Griezman e Karim Benzema. Técnico: Didier Deschamps.

Honduras: Noel Valladares; Brayan Beckeles, Víctor Bernárdez (Osman Chávez 1'/2T), Maynor Figueroa, Emilio Izaguirre; Luis Garrido, Wilson Palacios, Andy Najar (Jorge Claros 12'/2T), Róger Espinoza; Carlo Costly e Jerry Bengtson (Boniek García 1'/2T). Técnico: Luis Fernando Suárez.

Leia mais