1. Pular para o conteúdo
  2. Pular para o menu principal
  3. Ver mais sites da DW
Memorial do Muro de Berlim na parede de um prédio: Soldado alemão-oriental em fuga para o lado ocidental
Soldado alemão-oriental em fuga para o lado ocidentalFoto: picture-alliance/dpa/R.Jensen
HistóriaAlemanha

As mais espetaculares tentativas de fuga

1 de janeiro de 1970

Sempre houve quem tentasse fugir atravessando o Muro de Berlim, através de túneis, a bordo de carros, barcos, aviões ou simplesmente com escadas. Casos curiosos ilustram o que foi a vida na fronteira.

https://p.dw.com/p/2opC
  • 5 de dezembro de 1961 – Com uma locomotiva e alguns vagões, seis homens, dez mulheres e sete crianças partiram da estação ferroviária Albrechtshof, no Leste, rumo a Spandau, em Berlim Ocidental.
  • 24 de janeiro de 1962 – Pelo porão de uma casa bem na fronteira, 28 pessoas fugiram através de uma galeria subterrânea que passava por baixo de Oranienstrasse, no Ocidente. Este foi o primeiro dos muitos túneis de fuga construídos próximos à fronteira.
  • 8 de junho de 1962 – 14 alemães orientais seqüestraram um barco de passageiros no Spree, atravessando a fronteira pelo rio sob um tiroteio dos soldados da RDA.
  • 17 de agosto e 1962 – O pedreiro Peter Fechter foi ferido mortalmente por um tiro, ao tentar transpor o Muro na rua Zimmerstrasse. Os policiais da fronteira de Berlim Ocidental presenciaram sem poder prestar socorro ao jovem que se esvaía em sangue.
  • 26 de dezembro de 1962 – Uma metralhadora não pôde deter um ônibus blindado que cruzou em disparada o posto de controle Drewitz/Dreilindern, transportando duas famílias.
  • 5 de outubro de 1964 – 57 homens, mulheres e crianças rastejaram por mais de 150 metros em um túnel ligando a Strelitzer Strasse e Bernauer Strasse em Wedding. Na fuga, um soldado foi morto a tiros. Entre os que ajudaram a organizar a fuga, estava Reinhard Furrer, que mais tarde se tornou astronauta.
  • 29 de julho 1965 – Partindo do prédio dos ministérios, uma família de Leipzig fugiu em um funicular de fabricação amadora, passando por cima do Muro. Eles desceram no bairro de Kreuzberg, perto da fronteira, em Berlim Ocidental, onde ajudantes ocidentais haviam fixado o cabo.
  • 29 de agosto de 1986 – Na calada da noite, três berlinenses orientais irromperam a fronteira no Checkpoint Charlie, dirigindo um caminhão com um carregamento de pedras.
  • 5 de fevereiro de 1989 – Nove meses antes da queda do Muro, Chris Gueffroy, de 20 anos, levou um tiro pelas costas disparado por um guarda da fronteira. Ele havia tentado cruzar as barreiras perto do bairro ocidental de Neukölln.
  • 8 de março de 1989 – Winfried Freudenberg, de 32 anos, foi o último para quem transpor o Muro foi fatal. Ele morreu na queda de seu balão de gás de fabricação caseira no bairro de Zehlendorf.
  • 26 de maio de 1989 – Bem em frente ao prédio do Reichstag (Parlamento Alemão), situado no limite da fronteira, mas já do lado ocidental, aterrissaram dois ultraleves com um fugitivo de 34 anos de idade e as pessoas que o ajudaram na fuga.
Pular a seção Mais sobre este assunto
Pular a seção Conteúdo relacionado