Alemanha estreia com vitória na Eurocopa | Siga a cobertura dos principais eventos esportivos mundiais | DW | 12.06.2016
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Alemanha estreia com vitória na Eurocopa

Atuais campeões mundiais sofrem com bloqueio defensivo da Ucrânia, mas conseguem os três pontos. Partida expõe problemas na zaga alemã e marca retorno de Schweinsteiger, autor do segundo gol.

Schweinsteiger ampliou nos acréscimos, após cruzamento de Mesut Özil

Schweinsteiger ampliou nos acréscimos, após cruzamento de Mesut Özil

Uma das favoritas ao título, a seleção alemã sofreu, mas conseguiu estrear com vitória no Grupo C da Eurocopa ao bater a Ucrânia neste domingo (12/06), em Lille, por 2 a 0.

Em busca do quarto título europeu, os atuais campeões mundiais dominaram a partida, mas tiveram dificuldades de furar o bloqueio defensivo da Ucrânia, que levou perigo nos contra-ataques e só não marcou porque parou no goleiro Manuel Neuer.

Shkodran Mustafi abriu o placar de cabeça, aos 21 minutos do primeiro tempo, após cobrança de falta da entrada da área de Tony Kroos. Voltando de lesão e ovacionado ao entrar em campo, Bastian Schweinsteiger ampliou nos acréscimos, após cruzamento de Mesut Özil.

As dificuldades enfrentadas pela Alemanha em Lille mostram porque muitos hesitam em apontar a seleção de Joachim Löw como grande favorita ao título.

Löw está tendo quase que reinventar a seleção alemã – e para tal faltam tempo e peças. Sem mencionar problemas físicos de atletas importantes: Ilkay Gündogan, Mats Hummels, Sami Khedira e Bastian Schweinsteiger, que, apesar do gol, se mostrou longe da melhor forma.

Shkodran Mustafi abriu o placar de cabeça, aos 21 minutos do primeiro tempo

Shkodran Mustafi abriu o placar de cabeça, aos 21 minutos do primeiro tempo

Após as aposentadorias do capitão Philipp Lahm e do zagueiro Per Mertesacker, o setor defensivo carece de jogadores experientes e se tornou o tendão de Aquiles na escalação de Löw – Höwedes, Mustafi, Boateng e Hector bateram cabeça algumas vezes no jogo deste domingo.

Em um ano, a seleção alemã atuou 12 vezes e só não sofreu gols em três oportunidades: contra Gibraltar, no último amistoso contra a Hungria e agora contra a Ucrânia.

A Alemanha volta a campo nesta quinta-feira, para enfrentar a Polônia, que estreou com vitória por 1 a 0 sobre a Irlanda do Norte. No outro jogo de domingo, pelo Grupo D, a Croácia bateu a Turquia pelo mesmo placar.

RPR/dpa/efe

Leia mais