1. Pular para o conteúdo
  2. Pular para o menu principal
  3. Ver mais sites da DW
Füllkrug comemorando o gol com o dedo apontado
Füllkrug marcou o gol redentor da Alemanha aos 38 minutos do segundo tempo, em sua estreia na Copa do MundoFoto: Matthew Childs/REUTERS
EsporteAlemanha

Alemanha empata com Espanha e mantém chance de ir às oitavas

Jörg Strohschein
27 de novembro de 2022

Seleção alemã melhorou sua performance após derrota na primeira partida contra o Japão e arrancou empate de 1 a 1 contra os espanhóis com gol no final do segundo tempo do estreante em Copas do Mundo Niclas Füllkrug.

https://p.dw.com/p/4K9tx

Quatro dias depois de perder para o Japão em sua partida de abertura na Copa do Mundo no Qatar, a seleção alemã de futebol melhorou o desempenho em sua segunda partida da fase preliminar e empatou com a a ex-campeã mundial Espanha por 1 a 1 neste domingo (27/11).

Com o empate, a Nationalelf segue com chance matemática de chegar às oitavas de final da Copa do Mundo.

Primeiro tempo

O técnico alemão Hansi Flick fez duas mudanças na escalação inicial em comparação com o jogo contra o Japão. No lugar do zagueiro Nico Schlotterbeck e do atacante Kai Havertz, Flick escalou o zagueiro Thilo Kehrer e o meio-campista Leon Goretzka. A equipe alemã foi muito mais agressiva do que havia sido contra o Japão, e o posicionamento e a movimentação estavam corretos. 

Entretanto, a Espanha teve a primeira grande chance do jogo, com Dani Olmo. Um poderoso chute do atacante do RB Leipzig foi desviado pelo goleiro alemão Manuel Neuer e acertou o travessão, aos 7 minutos.

A melhor chance da Alemanha veio com um chute que errou o gol espanhol por apenas alguns centímetros, aos 25 minutos.

Pouco antes do intervalo, os torcedores alemães gritaram gol, mas era cedo demais. A cabeçada de Antonio Rüdiger, a partir de um cruzamento de Joshua Kimmich, foi anulada porque o zagueiro central do Real Madrid estava impedido, aos 40 minutos.

Segundo tempo

Os alemães seguiram perigosos após o intervalo. O goleiro espanhol Unai Simon teve que usar todas as suas habilidades para evitar que um chute de Kimmich balançasse a rede, aos 11 minutos do segundo tempo.

Mas quando parecia que a equipe alemã estava melhor no jogo, o espanhol Álvaro Morata marcou, aos 17 do segundo tempo. Depois de um cruzamento da esquerda, o zagueiro Süle chegou um passo atrasado contra o atacante do Atlético de Madri. Morata terminou levantando a bola com o pé, que superou Neuer e foi para o canto do gol.

Alvaro Morata após chutar para o gol, observando a bola ultrapassar o goleiro alemão.
O espanhol Alvaro Morata se antecipou ao zagueiro Niklas Süle e venceu o goleiro Manuel NeuerFoto: Albert Gea/REUTERS

Em reação ao gol espanhol, o técnico alemão fez três mudanças, colocando Lukas Klostermann, Leroy Sané e Niclas Füllkrug no lugar de Kehrer, Ilkay Gündogan e Thomas Müller. A medida trouxe um novo impulso ofensivo, mas Füllkrug e Jamal Musiala perderam boas chances após assistências de Sané.

Finalmente, foi Füllkrug quem marcou o gol redentor em sua estreia na Copa do Mundo. Aos 38 minutos do segundo tempo, ele aproveitou uma bola preparada por Musiala e não deu chance ao goleiro espanhol Unai Simon com um poderoso chute no canto do gol.

Classificação em aberto

No Grupo E, a Espanha lidera com quatro pontos, à frente do Japão e da Costa Rica, ambos com três pontos cada um. A Alemanha é a última do grupo, com um ponto. 

Foto com panorama do campo, com as bandeiras de Alemanha e Espanha, e da arquibancada.
Partida foi realizada no Estádio Al Bayt, que tem capacidade para 68.895 torcedoresFoto: Robert Michael/dpa/picture alliance

Antes do duelo entre Alemanha e Espanha, os japoneses haviam perdido sua segunda partida da fase preliminar contra a Costa Rica por 1 a 0.

Na última rodada do Grupo E, haverá duelos paralelos entre Alemanha e Costa Rica, assim como entre Espanha e Japão, na quinta-feira.

Com esse cenário, todos os quatro times do Grupo E seguem com chance matemática de passar às oitavas de finais, dependendo dos resultados da última rodada. Para a Alemanha se classificar, no entanto, ela precisa vencer a Costa Rica e torcer para que a Espanha derrote o Japão.

Ficha técnica

Alemanha 1 x 1 Espanha

Local: Estádio Al Bayt, em Al Khor

Arbitragem: Danny Makkelie (Holanda), auxiliado por seus compatriotas Hessel Steegstra e Jan de Vries. VAR: Paulus van Boekel, também da Holanda.

Gols: Morata (17'/2T), Füllkrug (38'/2T)

Cartões amarelos: Kehrer (37'/1T), Busquets (44'/1T), Goretzka (13'/2T), Kimmich (15'/2T)

Alemanha: Neuer, Rüdiger, Raum, Süle, Kehrer, Goretzka, Kimmich, Musiala, Gündogan, Gnabry, Müller.

Técnico: Hans-Dieter Flick

Espanha: Simon, Carvajal, Rodri, Laporte, Alba, Gavi, Busquets, Gonzalez, Torres, Asensio, Olmo.

Técnico: Luis Enrique

Pular a seção Mais sobre este assunto
Pular a seção Conteúdo relacionado

Conteúdo relacionado