Academia Sueca entregará dois prêmios Nobel de Literatura em 2019 | Cultura europeia, dos clássicos da arte a novas tendências | DW | 05.03.2019
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages
Publicidade

Cultura

Academia Sueca entregará dois prêmios Nobel de Literatura em 2019

Série de escândalos envolvendo instituição que concede a distinção resultou em adiamento da premiação em 2018. Fundação Nobel exigiu reformas para que Academia reconquiste confiança do público.

Medalha do Prêmio Nobel

Medalha do Prêmio Nobel

A Academia Sueca concederá em 2019 dois prêmios Nobel de Literatura, o deste ano e o do ano passado, depois de ter adiado a entrega em 2018. Em anúncio feito em Estocolmo, nesta terça-feira (05/03), a Fundação Nobel reconheceu que após problemas internos virem à tona, fez-se necessário adotar diversas medidas para recuperar a credibilidade da instituição.

Desde o fim de 2017, a Academia Sueca se encontra em grave crise devido a escândalos envolvendo a escritora Katarina Frostenson, que nesse ínterim abandonou a instituição, e seu marido, o fotógrafo Jean-Claude Arnault, um dos nomes mais influentes na cena cultural da Suécia. Em dezembro último ele foi condenado por estupro a dois anos e meio de prisão, e atualmente apela da sentença.

Durante o escândalo, diversos membros renunciaram, à medida que se evidenciaram as divisões entre os indignados com o comportamento de Arnault e aqueles acusados de se escusarem de denunciá-lo.

Além do escândalo sexual, a Academia acusou Arnault e Frostenson, que era membro da Academia Sueca desde 1992, de vazarem a identidade dos laureados do Nobel antes do anúncio oficial, transgredindo assim seu compromisso de sigilo.

Também descobriu-se que Frostenson era sócia do clube de arte comercial particular do marido. A instituição recebia regularmente apoio financeiro da Academia Sueca, permitindo assim que, na prática, a escritora de 65 anos decidisse sobre doações para si mesma.

No próprio clube, também teriam sido cometidos delitos, tal como a distribuição ilegal de bebidas alcoólicas e fraude fiscal. Um escritório de advocacia a serviço da Academia Sueca chegou a propor que o clube fosse formalmente denunciado.

Devido à crise na Academia Sueca, a premiação no Nobel de Literatura em 2018 foi adiada para o ano seguinte, sob a condição de que fosse restabelecida a confiança do público na instituição.

Antes que se retomassem as premiações, a Fundação Nobel exigiu diversas reformas na instituição que concede o prêmio da literatura desde 1901, e a Academia Sueca as acatou na maior parte. Os vencedores dos prêmios de 2018 e 2019 devem ser revelados em outubro.

AV/dpa/afp

______________

A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas. Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube 

WhatsApp | App | Instagram | Newsletter

Leia mais