Socialistas nomeiam Jospin para disputar com Chirac | Notícias e análises internacionais mais importantes do dia | DW | 24.02.2002
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Socialistas nomeiam Jospin para disputar com Chirac

Dois meses antes da eleição para a Presidência da França, os socialistas nomearam o primeiro-ministro, Lionel Jospin, como seu candidato. Ele e o concorrente Jacques Chirac estão empatados nas intenções de voto.

default

Lionel Jospin (d) e Jacques Chirac ( c), com o chanceler federal alemão, Gerhard Schröder (e), em recente visita à Alemanha.

Dois meses antes da eleição para a Presidência da França, o Partido Socialista nomeou o primeiro-ministro, Lionel Jospin, seu candidato para disputar com o presidente Jacques Chirac, do partido União pela República (RPR), que ambiciona um segundo mandato. A decisão dos socialistas aprovada por 99% dos delegados, neste domingo, numa convenção extraordinária em Paris, foi mera formalidade porque Jospin não teve concorrente.

Em seu discurso, o candidato socialista de 64 anos criticou o seu rival Chirac. Os 7 anos dos neogaulistas na Presidência foram de inércia, disse Jospin diante de 1.500 socialistas entusiasmados.

O primeiro turno da eleição presidencial francesa será em 21 de abril, mas há fortes indícios de que Jospin e Chirac terão de concorrer num segundo turno, em 5 de maio. As pesquisas sobre intenção de voto apontam um empate entre os dois candidatos. Segundo uma pesquisa realizada para o "Journal du Dimanche", cada um conta com 50% dos votos.

Enquanto isso o presidente Chirac tenta juntar a direita divida em uma coalizão para apoiar a sua candidatura à reeleição. Milhares de políticos do neugaulista RPR, da União pela Democracia Francesa (UDF) e do Partido Liberal Democrata reuniram-se neste sábado em Toulouse. O candidato da UDF à sucessão presidencial, François Bayron, com baixíssima cotação nas intenções de voto, foi vaiado na ocasião quando disse que não sabe quem vai ganhar no primeiro turno.

Leia mais