RESGATE DOS MINEIROS NO CHILE | Escreva sua opinião, comentários, críticas ou sugestões | DW | 16.10.2010
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Sua Opinião

RESGATE DOS MINEIROS NO CHILE

Resgate dos mineiros, relatório do PEN Clube, estratégia de assistência a ciganos, muçulmanos na Europa, Heliópolis na Alemanha, China e comércio exterior foram os temas comentados por nossos usuários esta semana.

default

Você acompanhou de perto o drama dos mineiros chilenos? Sim, com muita emoção e esperança, não somente eu, como todos os brasileiros e macapaenses ficamos torcendo para que estes bravos homens fossem retirados todos com vida. Pode-se dizer que nós, sul-americanos, vencemos sempre com força, união e muita fé, nos momentos mais difíceis de nossas vidas. Os mineiros chilenos representam o quanto os seres humanos podem suportar momentos difíceis, em condições tão precárias, e que a união faz a força!
Anita Garibaldi de Almeida

Sim, acompanhei de perto assistindo um canal de Notícias Internacional Brasileiro que estava no local com transmissão direta. O povo latino-americano, por ser muito emotivo, acompanhou com muito interesse este resgate, que foi uma obra da solidariedade humana para com os 33 mineiros, que estavam enterrados vivos. Numa época em que se perdem vidas humanas inutilmente, em milhares de acidentes de carros e outros modos, este resgate mostra o quanto a humanidade pode alcançar quando se dispõe a salvar vidas. Parabéns ao povo chileno!
Odalberto Domingos Casonatto

Creio que o mundo inteiro acompanhou o resgate dos mineiros. Foi muito bonito ver que especialistas internacionais juntaram seus conhecimentos e experiências para ajudar os mineiros chilenos. Um exemplo de sucesso quando se unem as forças!
Carmem Pinheiro

PEN CLUBE DIVULGA RELATÓRIO SOBRE PERSEGUIÇÃO A ESCRITORES

Quando a livre expressão é ameaçada pelo próprio Estado, sem sombra de dúvidas a sociedade como um todo corre o risco letal de ser privada de qualquer direito, até mesmo o de exercer a cidadania. Uma nação só pode ser considerada livre quando os indivíduos desfrutam do "dever" de falar e escrever o que pensam assim como criticar valores e governos.

Na América Latina, a liberdade de imprensa tem sofrido um cerco com a ascensão de regimes chauvinistas, como o da Venezuela, cujo governo tenta desviar o foco das questões sociais para uma campanha demagoga contra os veículos de comunicação. A Argentina enfrenta situação parecida: os Kirchner declararam guerra oficial ao Clarín e não descansarão até verem o jornal esfacelado. Sabe-se perfeitamente que esse tipo de coerção é o primeiro passo para uma ditadura. Escritores e jornalistas como González Alfoson representam os guardiões do princípio imortalizado na citação de Voltaire: "Não concordo com uma única palavra do que dizeis, mas defenderei até a morte o vosso direito de dizê-lo." Entretanto, já sabemos quando o Estado não concorda.
Vlademir Monteiro

BERLIM TESTA ESTRATÉGIA DE ASSISTÊNCIA A CIGANOS ROMA

Esta matéria que nos fala de ciganos roma em apuros mexeu muito comigo por sua situação ser preocupante neste momento. Mais triste fiquei quando, no final da leitura desta matéria, percebi que, apesar de existir alguém como a Cristina fazendo o seu melhor para ajudá-los, em breve sua luta por esses nossos irmãos irá terminar, mesmo estando no começo. Espero sinceramente que isso nunca aconteça. Deixo aqui minha solidariedade a essa brava moça e meus votos de que esse trabalho dure enquanto for necessário.
Maria Aparecida Neubaner Luiz

POPULISTAS DE DIREITA ATIÇAM CONTRA MUÇULMANOS NA EUROPA

Que grande absurdo. Não se trata de preconceito. A tradição dos países de formação judaico-cristã permite uma liberdade religiosa à qual o Islã não corresponde. Essa liberdade está em risco com o crescimento demográfico de comunidades muçulmanas e consequente ascensão política. Basta observar qualquer país de maioria muçulmana. E os fatos mostram que é para essa realidade que a Europa em geral – e a Alemanha em específico – caminha. Preconceito religioso ou ético, não. Mas apreço e defesa dos valores fundamentais que formam os pilares da sociedade alemã, sim.
Gunnar Thiessen

CHINA QUER USAR GRÉCIA COMO TRAMPOLIM PARA A EUROPA E ORIENTE MÉDIO

Eu defendo que os investimentos que a China tem feito na UE e a crescente importação de produtos de fabricação chinesa e de matérias-primas constituem um "desafio" para o modelo social europeu. É claro que a UE compra da China aquilo que progressivamente deixa de produzir, o que se traduz num aumento do desemprego na Europa; acresce ainda que muitas das pessoas que produzem esses produtos não têm as mesmas regalias sociais e condições de trabalho que os cidadãos da UE, ou seja, as políticas europeias comunitárias e os comportamentos de consumo dos próprios cidadãos europeus estão, de certo modo, a promover o desenvolvimento de uma economia e modelo social que contêm "anticorpos" para o seu próprio desenvolvimento social e econômico.
Pedro Almeida (Portugal)

SINFÔNICA DE HELIÓPOLIS NA ALEMANHA

A Sinfônica de Heliópolis se apresentou aqui em Munique, no Gasteig. Foi um evento emocionante, com o publico aplaudindo de pé, tamanha emoção que nos proporcionaram. Olha que a plateia era quase só de alemães, que não têm o costume de aplaudir dessa forma. Foi magnífico, deslumbrante e comovente, principalmente sabendo a origem de cada um dos elementos da orquestra.
Eduardo Braga

Fiquei encantada com a beleza da música, com a coincidência do nome da favela Heliópolis com as canções de Schubert e também com a eficiência e rapidez da divulgação através da Deutsche Welle. A Alemanha é insuperável nesse sentido! Parabéns a André Mehmari, ao maestro Tibiriçá, ao maestro Baccarelli e principalmente aos jovens da Sinfônica Heliópolis. Vocês agigantaram o Brasil!
Giulia Pierro

Este projeto é muito mais do que inclusão social, é solidariedade, respeito e oportunidade a jovens talentosos. Tudo isso junto é promoção da cidadania. O Brasil precisa se espelhar mais nessas ações para criar políticas públicas decentes e eficazes, sem paternalismo. Parabéns a todos e muito sucesso!
Claudia Pires

Leia mais