Raiva: devemos mesmo controlar? | Programa de ciência, meio ambiente e tecnologia da DW Brasil | DW | 24.04.2019
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futurando!

Raiva: devemos mesmo controlar?

Sentimento ancestral é um indicativo de que, em vez de fugir, vamos lutar. Psiquiatra orienta a não reprimir a raiva.

Assistir ao vídeo 03:23

Quando alguém grita porque está com raiva, em geral, a primeira reação de quem está perto é condenar aquela pessoa por não conseguir se controlar. Mas a verdade é que a raiva nos acompanha há milênios na evolução humana e existe por um motivo. O vídeo do Futurando discute por que não devemos reprimir tanto esse sentimento que às vezes chega de repente.