Organizadores anunciam fim da Cebit | Notícias sobre política, economia e sociedade da Alemanha | DW | 28.11.2018
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages
Publicidade

Economia

Organizadores anunciam fim da Cebit

Feira em Hannover chegou a ser a maior de tecnologia da informação no mundo e deixará de ser realizada após mais de três décadas. Número de visitantes vinha caindo nos últimos anos.

Telão na Cebit de 2015

Telão na Cebit de 2015

Após 33 anos, a feira de tecnologia da informação (TI) Cebit não será mais realizada em Hannover, na Alemanha. A empresa Deutsche Messe, organizadora do evento anual, anunciou o fim da feira nesta quarta-feira (28/11), devido às sucessivas quedas no número de visitantes.

A Cebit já foi a maior feira de TI do mundo. Em seu auge, no início dos anos 2000, o evento chegou a receber cerca de 800 mil pessoas. Mas, nos últimos anos, o número de visitantes caiu significativamente: a edição de 2018 atraiu 120 mil pessoas. Em 2017 havia sido 200 mil.

A Deutsche Messe havia desenvolvido um novo conceito para a Cebit, transformando-a numa mistura de feira, conferência e festival. Apesar da tentativa de reavivar o evento, o número de visitantes seguiu em queda.

A digitalização é hoje o tema dominante em feiras de diversos setores e, por isso, a demanda por um evento específico, como a Cebit, é cada vez menor, justificaram os organizadores.

Temas digitais de interesse da indústria que estavam presentes na Cebit continuarão sendo abordados na Hannover Messe, feira de tecnologia industrial realizada anualmente na cidade alemã.

"A indústria alemã discutiu várias vezes nos últimos anos sobre a sobreposição temática da Hannover Messe com a Cebit", disse Jochen Köckler, presidente da Deutsche Messe. "Por isso, vamos transferir os temas que se encaixam claramente na Hannover Messe."

Em 2012, o Brasil foi o país-parceiro da Cebit e enviou cerca de cem expositores à feira. A cerimônia de abertura do evento, cujo tema central foi segurança no mundo da informática, contou com a participação da então presidente, Dilma Rousseff, que discursou ao lado da chanceler federal alemã, Angela Merkel.

LPF/dpa/afp

______________

A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas. Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube 

WhatsApp | App | Instagram | Newsletter

Leia mais