O dentista Dusan Barac, de Bad Homburg | Entenda a Alemanha, sua diversidade, estrutura e história | DW | 25.06.2010
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Entenda a Alemanha

O dentista Dusan Barac, de Bad Homburg

Para muitos, dentistas são pessoas reservadas, de jaleco branco, rosto coberto pela máscara, com uma broca na mão. Dusan Barac de Bad Homburg mostra seu rosto e revela detalhes de sua vida pessoal.

default

Dusan Barac gostaria muito de dormir um pouco mais. Mas o dentista, no entanto, precisa se guiar pelo horário dos seus pacientes. A segunda-feira é especialmente difícil para o dentista. Seu expediente começa já às 7h. Normalmente, o doutor Dusan chega ao consultório só às 8h.

O dentista tem 33 anos, cabelos castanhos e faz o tipo esportivo. Sua mãe vem da Hungria, seu pai, da Sérvia. Dusan nasceu na Alemanha.

"Sou um típico cidadão de Frankfurt“, ri, fazendo uma analogia à famosa salsicha vendida na região. Hoje em dia, sua origem estrangeira é uma vantagem em relação à concorrência no mercado odontológico.

O dentista fala três idiomas fluentemente: alemão, húngaro e sérvio. Muitos de seus pacientes também são de origem estrangeira e o escolhem exatamente por isso.

Gesichter Deutschlands Porträt DuBa

Dusan Barac pratica esporte nas horas vagas

Dentista, secretário e administrador

Dusan ama seu trabalho. Com 10 anos de idade, ele já queria ser dentista. Há sete anos, pratica a profissão. Dusan gosta muito da diversidade do seu trabalho.

Nestes sete anos, o dentista já ganhou bastante experiência na profissão. "Não tem mais nada nesse campo de trabalho que ainda possa me impressionar", explica enquanto trata um canal.

Há pouco mais de um ano, ele é dono de seu próprio consultório, no qual investiu muito trabalho e dinheiro. Ele emprega três pessoas. Isso quer dizer que seu trabalho não se restringe ao tratamento dentário, Dusan também é secretário e administrador de empresa.

Pouco tempo para o almoço

A tripla carga de trabalho deixa pouco tempo para o almoço. Enquanto seus funcionários vão almoçar, Dusan resolve questões da administração – um sanduíche trazido de casa tem que bastar.

Como seu próprio chefe, ele é o único responsável pelo sucesso do consultório. Dusan também recebe o apoio de sua família e de sua namorada.

O cuidado com os próprios dentes não é problema para ele, que se deixa tratar pelos próprios funcionários. Dusan não se imagina paciente de um outro dentista. Afinal, cada um tem sua forma individual de tratar e Dusan duvida que um outro profissional possa corresponder às suas expectativas.

Gesichter Deutschlands Porträt DuBa

Ser dentista era um sonho de infância

Cozinhar já é demais

Quando Dusan sai do consultório, no início da noite, não significa que seu trabalho tenha terminado. O que ficou pendente do dia, ele leva para resolver em casa. Tanto seu consultório quanto o apartamento onde mora ficam em Bad Homburg, cidade vizinha a Frankfurt.

Dusan mora com a namorada Rebecca e gata Maja. Ela foi encontrada há dois anos, faminta e perdida na mata. Maja já está bem adaptada ao casal.

Dusan gosta de animais. O que ele não gosta é de cozinhar, tarefa que fica sob responsabilidade de sua namorada ou de sua mãe. Ele prefere usar o tempo livre para praticar esporte.

Cuidar da saúde é muito importante para o dentista. Dusan também não dispensa umas horas de preguiça no sofá depois do jantar – ele precisa reunir forças para o dia seguinte.

Autora: Lidet Abebe (aj)
Revisão: Rodrigo Rimon

Links externos

Publicidade