Museu Marítimo Internacional é nova atração de Hamburgo | Conheça os destinos turísticos mais famosos da Alemanha | DW | 03.07.2008
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages
Publicidade

Turismo

Museu Marítimo Internacional é nova atração de Hamburgo

Foi inaugurado em Hamburgo um museu que faz jus à importante cidade portuária da Alemanha. O acervo exposto no prédio de 10 andares narra a história de 3 mil anos de navegação.

Acervo tem réplica em ouro do navio Santa Maria

Acervo tem réplica em ouro do navio Santa Maria

Nada mais justo que Hamburgo, também chamada "portão da Alemanha para o mundo", devido a sua importância portuária, sediar um museu marítimo internacional. O patrono do novo museu é Peter Tamm, de 80 anos, ex-presidente do conglomerado Axel Springer. A maior parte do acervo, que conta a história de 3 mil anos de navegação marítima, é propriedade privada.

Bildgalerie Deutschland Maritimes Museum in Hamburg

Peter Tamm: 'Mar é ao mesmo tempo delimitação e ponte'

"A água é o elixir da vida. O fato de a Terra ser como é, nós devemos à água. Oitenta por cento do planeta é composto por água, e se quisermos ir de um continente a outro precisamos de um barco", ressalta Tamm, ao explicar sua fascinação por navios.

Sua paixão pela navegação marítima começou muito cedo. Já seus ancestrais eram navegadores. O primeiro objeto de sua coleção foi um pequeno modelo de cargueiro, que ganhou da mãe quando tinha seis anos de idade.

Com o passar do tempo, Tamm acumulou 36 mil miniaturas de navios, 5 mil pinturas, gravuras e mapas, 500 mil fotos, 120 mil livros, instrumentos de astronavegação e outros objetos originais, como cardápios de bordo, decorações, uniformes e inclusive um submarino para duas pessoas e cartas do almirante inglês Horatio Nelson. Para abrigar o acervo, teve de alugar um antigo hotel.

De Colombo ao Nordeste brasileiro

As peças mais antigas têm mais de 4 mil anos de idade. Seu valor é calculado em mais de 100 milhões de euros. Outra peça de destaque é uma miniatura em ouro do navio Santa Maria, de Cristóvão Colombo, usado no descobrimento da América. O Brasil também está presente no museu, seja através da história do Tratado de Tordesilhas, seja na miniatura de uma jangada.

Internationales Maritimes Museum in Hamburg

Museu tem 16 mil m2 de área de exposição

O sonho de Tamm de construir um museu tomou contornos em 2004, quando a administração de Hamburgo concedeu 30 milhões de euros à fundação Tamm e permitiu o uso gratuito, por 99 anos, de um dos prédios históricos do cais do porto. O armazém, antigamente usado como depósito de café e chá, foi completamente restaurado e cada um dos 10 andares tornou-se um mundo temático.

Do descobrimento do mundo: navegação e comunicação, que é o tema do primeiro andar, o visitante chega à seção de caravelas e veleiros, no segundo pavimento. Até atingir o topo do prédio, aprende-se sobre a construção de navios, rotinas militares a bordo, a importância da Marinha em tempos de guerra e paz, e a pesquisa nas profundezas dos oceanos.

Bildgalerie Deutschland Maritimes Museum in Hamburg

Queen Mary 2, construído com peças de Lego, atração não só para crianças

Um andar especial foi reservado a objetos de arte e 36 mil modelos de navios, entre os quais o Santa Maria, com 25 cm de comprimento e 35 cm de altura. "O importante para a forma de apresentação do museu é contar histórias", disse o responsável pela disposição das peças e organização do museu, Holger von Neuhoff.

"Nossa intenção foi encontrar o equilíbrio exato e a linguagem adequada para atingir todas as gerações e não um público-alvo específico", complementa.

Leia mais

Áudios e vídeos relacionados