Incêndio florestal perto de Berlim ativa munição da Segunda Guerra | Notícias sobre política, economia e sociedade da Alemanha | DW | 27.07.2018
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages
Publicidade

Alemanha

Incêndio florestal perto de Berlim ativa munição da Segunda Guerra

Trabalho de bombeiros é dificultado por explosões de material bélico escondido no terreno. Estradas são fechadas, causando engarrafamentos. Fogo está sob controle, mas extinção completa das chamas deve levar dias.

Floresta queimada nos arredores de Berlim

Floresta queimada nos arredores de Berlim: pequenas explosões dificultaram trabalho de bombeiros

Um incêndio florestal no estado alemão de Brandemburgo fez com que restos de munição da Segunda Guerra Mundial ainda enterrados no solo da região explodissem, dificultando o trabalho dos bombeiros, que completam nesta sexta-feira (27/07) o segundo dia de combate às chamas.

O incêndio ocorre em Fichtenwalde, localidade situada cerca de 60 quilômetros a sudoeste de Berlim. De acordo com os bombeiros, o trabalho de combate ao incêndio – que atinge uma área da floresta próxima a um trevo de autoestrada – foi prejudicado pelas explosões da munição escondida no solo.

Temendo mais detonações, os bombeiros foram obrigados a combater o fogo de fora da área atingida, parcialmente contaminada por munição.

O corpo de bombeiros local afirmou que as chamas já estão sob controle, mas ainda longe de serem apagadas completamente. "Levará vários dias até que o fogo seja totalmente extinto", disse a administração local.

Devido ao calor e à seca persistentes, o perigo de incêndios florestais na Alemanha é extremamente alto, nas áreas cobertas de florestas de coníferas de Brandemburgo, a administração decretou o nível mais alto de alerta.

Por causa do incêndio perto de Fichtenwalde, havia temores na quinta-feira de que fosse necessária uma operação de retirada de moradores. Entre 200 e 300 habitantes da região chegaram a ficar de sobreaviso.

Duas importantes rodovias tiveram que ser temporariamente fechadas, causando longos engarrafamentos. Nesta sexta-feira, o trânsito na região foi prejudicado por um novo fechamento temporário das rodovias A10 e A9.

Cerca de 200 bombeiros trabalharam na área na madrugada de quinta para sexta. O combate aos incêndios foi apoiado por helicópteros da polícia e do Exército, que lançaram água sobre as chamas. Também foram utilizados canhões de água da polícia, além de um veículo blindado especial de combate ao fogo, fornecido por uma empresa privada.

Como em diversas localidades europeias, a região de Berlim vive um clima atipicamente quente e seco nos últimos meses, que aumenta o perigo de incêndios florestais. 

Também foram registrados incêndios florestais em outros estados alemães, embora de menor escala, como na Baixa Saxônia, Renânia do Norte-Vestfália, Renânia-Palatinado e em Baden-Württemberg. O estado de Mecklenburg-Vorpommern fechou nesta sexta-feira alguns trechos de floresta para visitantes devido ao perigo de incêndio.

MD/afp/dpa/ap

____________

A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas. Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube | WhatsApp | App | Instagram | Newsletter

Leia mais