Homem que invadiu cinema na Alemanha portava arma falsa | Notícias sobre política, economia e sociedade da Alemanha | DW | 24.06.2016
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Homem que invadiu cinema na Alemanha portava arma falsa

Invasor manteve 18 pessoas reféns, incluindo crianças, até ser morto por policiais. Ataque aconteceu num complexo de cinemas em Viernheim, e autoridades descartam terrorismo.

O homem que ameaçou funcionários e frequentadores de um cinema na cidade alemã de Viernheim, perto de Frankfurt, tinha 19 anos e nasceu em Mannheim, disseram investigadores nesta sexta-feira (24/06), um dia depois do ataque.

Usando um capuz conhecido como balaclava para cobrir o rosto e botas escuras populares entre neonazistas alemães, ele entrou numa sala de cinema nesta quinta-feira à tarde carregando o que pareciam ser um rifle e granadas de mão.

O adolescente foi morto com um tiro quando forças especiais da polícia invadiram a sala onde ele mantinha 18 pessoas reféns. Catorze eram espectadores e quatro, funcionários do cinema. A polícia desconhece os motivos do ataque, mas descartou que haja motivações políticas ou terroristas. Policiais disseram que o invasor tinha uma aparência transtornada.

Cinema de Viernheim

Policiais diante do cinema, após o fim da operação que resultou na morte do invasor

O suposto rifle era, na verdade, uma réplica de arma de fogo que dispara cartuchos de gás. Além disso, não havia munição no local, e as granadas que o jovem trazia consigo também eram falsas. Os reféns, entre os quais crianças, sofreram irritação nos olhos provocada pelo gás, mas ninguém ficou gravemente ferido.

Autoridades de segurança da Alemanha apontam que o homem agiu sozinho e provavelmente tinha problemas psiquiátricos. O complexo de salas de cinema de Viernheim fica a cerca de 10 km de Mannheim, cidade natal do invasor. Porém, ele morava no norte do país.

Pistolas de gás e outras armas não-letais têm se tornado populares na Alemanha, onde leis rígidas limitam o acesso das pessoas a armas de fogo. Armas com gás produzem um estampido bem alto quando disparadas, parecido com uma arma convencional, mas os projéteis em geral não são potentes o suficiente para causar ferimentos sérios.

TAM/dw/dpa/ard

Leia mais