Homem abre fogo em igreja e mata mais de 20 no Texas | Notícias internacionais e análises | DW | 05.11.2017
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Estados Unidos

Homem abre fogo em igreja e mata mais de 20 no Texas

Atirador entra caminhando em templo batista e dispara contra fiéis em Sutherland Springs, segundo polícia. Comissário afirma que há 27 mortos. Autor do ataque está morto.

Igreja batista de Sutherland Springs

Crime ocorreu na pequena igreja batista de Sutherland Springs, que foi isolada pela polícia

Mais de 20 pessoas foram mortas a tiros numa igreja batista do estado do Texas, nos Estados Unidos, por um homem que abriu fogo dentro do templo neste domingo (05/11), afirmaram autoridades texanas. Há também mais de 20 pessoas feridas.

Os números não são oficiais e podem mudar. O comissário do condado de Wilson, Albert Gomez, disse à emissora MSNBC que 27 pessoas foram mortas e que há ao menos 24 feridos.

O ataque ocorreu em Sutherland Springs, no condado de Wilson, a 45 quilômetros a sudeste de San Antonio, por volta das 11h30, no horário local. Autoridades enviaram um grande contingente policial para a localidade, incluindo agentes do FBI.

Segundo um xerife, um homem entrou caminhando na igreja e abriu fogo. Autoridades do estado afirmaram que o atirador está morto, sem dar mais detalhes. A identidade dele ainda não foi revelada. Um investigador disse à agência AP que ele fugiu de carro depois do ataque e está morto.

Outra testemunha, uma funcionária de um posto de gasolina que fica perto do templo batista, relatou à emissora CNN que ouviu um sequência rápida de cerca de 20 tiros durante um culto na igreja.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que está no Japão, disse que está acompanhado a situação. "Que Deus esteja com o povo de Sutherland Springs, no Texas. O FBI e as forças da lei estão no local. Estou acompanhando a situação desde o Japão", escreveu o presidente no Twitter.

AS/ap/lusa/afp/efe

Leia mais