Grandes do futebol europeu disputam milhões da Liga dos Campeões | Siga a cobertura dos principais eventos esportivos mundiais | DW | 15.09.2009
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Grandes do futebol europeu disputam milhões da Liga dos Campeões

Principal torneio de futebol do mundo reúne algumas das maiores equipes europeias, que disputam não apenas o título, mas também os milhões de euros em premiação. Wolfsburg, Bayern e Stuttgart representam a Alemanha.

default

Cristiano Ronaldo e Kaká, as estrelas do Real Madrid

Potências europeias como o Chelsea, Juventus de Turim, Inter de Milão, Manchester United, Milan, Real Madrid e o atual campeão, o Barcelona, começam nesta terça-feira (15/09) a disputa pelo troféu e pela premiação em dinheiro da Liga dos Campeões, o milionário torneio de clubes do futebol europeu.

Também entre os favoritos está o multicampeão alemão Bayern de Munique, ainda que o presidente executivo do clube, Karl-Heinz Rummenigge, despiste. "Nunca foi tão difícil vencer essa competição", afirmou, de olho na acirrada concorrência do principal torneio europeu de futebol.

Rummenigge também já elegeu seu favorito ao título: o Real Madrid. "Estão condenados a ganhar essa copa depois de terem investido tanto dinheiro." O clube espanhol gastou mais de 250 milhões de euros para ter em seu elenco estrelas como o português Cristiano Ronaldo e o brasileiro Kaká.

Muitos novatos

Fußball Bundesliga VfL Wolfsburg - Bayer Leverkusen

O Wolfsburg, de Grafite e Dzeko, estreia no torneio

O novo time de "galácticos" do Real Madrid é uma das principais atrações da Liga dos Campeões. O clube – nove vezes campeão do torneio – quer apagar as más apresentações das temporadas passadas, quando não conseguiu passar das oitavas-de-final.

"Nosso objetivo é vencer a Liga dos Campeões", confirma Kaká, que estreia pelo Real Madrid no torneio contra um novato, o FC Zürich, na terça-feira. Também um clube alemão, o Wolfsburg, está entre os que disputam pela primeira vez a competição.

Os outros novatos são o Alkmaar (Holanda), o Standard de Liège (Bélgica), o Rubin Kazan (Rússia), o Debreceni (Hungria), o APOEL Nicósia (Chipre) e o Unirea Urziceni (Romênia), que está no mesmo grupo que o terceiro representante alemão, o Stuttgart.

O número de equipes novatas aumentou com a nova fórmula, a qual privilegia os campeões nacionais europeus. Ao todo, há 18 campeões nacionais na competição.

Prêmios milionários

FC Barcelona Champions League Sieger 2009

Thierry Henry e Eric Abidal comemoram o título do Barcelona na temporada 08/09

A Uefa calcula que a Liga dos Campeões renda mais de 1 bilhão de euros, somente com a venda dos direitos de exibição dos jogos para a televisão e a comercialização de cotas de patrocínio. Os lucros projetados são cerca de 20% superiores aos da temporada passada.

Três quartos desse total serão divididos entre os 32 participantes do torneio. A simples presença na competição garante a cada clube 3,8 milhões de euros. Para cada um dos seis jogos disputados na fase inicial, são mais 550 mil euros embolsados.

O clube que vencer a final da Liga dos Campeões, que será disputada em 22 de maio de 2010, no estádio Santiago Bernabeu, em Madrid, pode faturar até 60 milhões de euros apenas com a participação no torneio.

AS/dpa/rtr
Revisão: Augusto Valente

Leia mais