Google Street View aviva temor por proteção de dados na Alemanha | Notícias e análises internacionais mais importantes do dia | DW | 11.08.2010
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Google Street View aviva temor por proteção de dados na Alemanha

Anúncio de lançamento do serviço Google na Alemanha aviva preocupação com proteção de dados. Berlim, Frankfurt, Hamburgo, Colônia e Munique estão entre primeiras cidades da Alemanha cujas ruas poderão ser visualizadas.

default

Carros e câmeras: a tecnologia do Street View

A Google pretende implementar na Alemanha, ainda em 2010, seu controvertido serviço de visualização de ruas, Google Street View. A partir de novembro e até o final do ano, as 20 maiores cidades alemãs também estarão online em imagens panorâmicas de 360º, divulgou a empresa na terça-feira (10/08), em Hamburgo.

Desse modo, o gigante das máquinas de busca ignora as reservas de especialistas em proteção de dados. Como única concessão a estes e à privacidade pessoal, nas fotos, a Google irá tornar rostos e placas irreconhecíveis, como já acontece no Street View de outros países. Além disso, inquilinos e proprietários terão quatro semanas para requerer que sua casa seja obliterada das fotos.

Der Bundesbeauftragte für den Datenschutz, Peter Schaar, stellt am Dienstag (21.04.2009) in Berlin den Datenschutzbericht für die Jahre 2007 - 2008 vor

Peter Schaar

Berlim, Düsseldorf, Frankfurt, Leipzig, Hamburgo, Colônia e Munique estão entre as primeiras cidades da Alemanha cujas ruas poderão ser visualizadas, em detalhe, para todos os usuários da rede. O lançamento já havia sido há muito anunciado, portanto não é nenhuma surpresa. Mas enquanto alguns se alegram por poder ver em 3D os pontos turísticos das cidades alemãs na internet, outros não estão nada contentes, como é o caso do comissário federal para proteção de dados Peter Schaar.

"É perfeitamente compreensível o interesse de proprietários e inquilinos de que a forma como vivem não seja reproduzida tão detalhadamente, pois teme-se que as fotos também possam ser utilizadas por assaltantes para exercer seu ofício duvidoso. É preciso levar a sério tais receios."

Reservas em outros países

Google Street View

Carro da Google fotografa ruas da cidade alemã de Saarbrücken

Schaar considera insuficiente o prazo de quatro semanas para pedir a eliminação das imagens em questão. Ele também exige que o requerimento possa ser feito por correio, pois afinal nem todo cidadão do país dispõe de acesso à internet.

Schaar acrescenta que o ceticismo relativo ao Street View não é exclusivo da Alemanha, pois tem falado com outros órgãos nacionais de proteção de dados e com pessoas no exterior que apresentam o mesmo tipo de objeções. Até o momento, o serviço de visualização 3D da Google está disponível em 23 países, 12 dos quais, europeus.

Em meados de maio último, a firma foi forçada a admitir que já há bastante tempo vinha coletando e armazenando dados da rede de telefonia celular privada da Alemanha. Em reação, os secretários estaduais de Justiça anunciaram que iriam intensificar a proteção de dados no tocante ao Street View e a outros serviços similares. Além da pixelagem de rostos e números de placa, eles também exigem a destruição dos dados originais, ou seja, do material fotográfico feito nas ruas do país.

Autor: Arne Lichtenberg / Augusto Valente
Revisão: Carlos Albuquerque

Leia mais