Edição do dia 11/05 | Programa semanal sobre cultura e arte contemporânea | DW | 09.05.2014
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Camarote.21

Edição do dia 11/05

Ficou curioso sobre as reportagens desta edição do Camarote.21? Aqui você encontra mais informações sobre os artistas, eventos e exposições que mencionamos. Se ficou com alguma dúvida, escreva para nós.

Nuvens dentro de casa

O artista holandês Berndnaut Smilde cria nuvens em ambientes fechados para depois fotografá-las. A série do fotógrafo se chama Nimbus, palavra latina que significa tanto "nuvem" como "brilho divino". Uma imagem de Berndnaut custa cerca de 8 mil euros. Ficou curioso? Veja algumas fotos aqui.

O malandro alemão

Sigmar Polke é um dos mais importantes artistas alemães do pós-guerra. Ele trabalhava com vários estilos, mas o que mais distingue seu trabalho é a técnica do pontilhado. Nos anos 1960, o pintor alemão deu seu próprio toque à arte pop e enquadrou o mundo nos Polke's Dots – trocadilho com os chamados pontos polka. Quatro anos depois de sua morte, o Museu de Arte Moderna de Nova York celebra o artista em uma retrospectiva com mais de 250 obras.

Pianista mistura pop e música medieval

O premiado pianista alemão Michael Wollny, de 35 anos, é considerado um talento excepcional e um mestre da improvisação. No início do ano, ele lançou seu mais novo álbum: Mundo dos Sonhos. O disco traz tanto composições da Idade Média como músicas pop da cantora Pink.

Bangue-bangue bem longe do velho oeste

O faroeste volta com tudo às telas do cinema, mas a nova onda não vem dos Estados Unidos, terra natal dos cowboys. Quatro produções cinematográficas atuais giram em torno do herói solitário: Wu Ren Qu, que se passa na China, My Sweet Pepper Land, no Iraque, Ouro (trailer com legenda em português), no Canadá, e Das Finstere Tal, nos alpes tiroleses.

Exposição contrapõe euforia e desgraça da Primeira Guerra Mundial

A exposição Menschenschlachthaus (matadouro humano, em tradução livre) mostra como as vanguardas artísticas europeias acabaram definhando nas trincheiras, cem anos atrás. Os laços artísticos entre Alemanha e França foram cortados repentinamente. A exposição em Wuppertal, na Alemanha, vai até fim de julho, e em setembro segue para a cidade francesa de Reims.

Festival de Acordeão na Alemanha tem participação brasileira

Pelo sexto ano consecutivo, acordeonistas do mundo todo se reúnem na Alemanha para um festival internacional: a Akkordeonale. No encontro, o acordeão – também chamado de sanfona no Nordeste e gaita no Sul do Brasil – tem a chance de mostrar sua amplitude estilística, que vai da música folclórica ao jazz. A edição deste ano conta com a participação de músicos do Brasil, Bélgica, Sérvia, Holanda Alemanha, Portugal e Irã. A Akkordeonale segue até o dia 25 de maio e passa por mais de 30 cidades. Clique aqui para saber mais sobre as próximas apresentações.

Começa o Encontro de Teatro de Berlim

A peça de abertura do Encontro de Teatro de Berlim, intitulada Cimento, foi uma das dez encenações escolhidas pelo júri entre mais de 400 produções candidatas. A peça é o último trabalho de uma lenda do teatro alemão: o diretor Dimiter Getscheff, falecido recentemente, em 20 de outubro de 2013. Quase metade das peças escolhidas são de Munique, entre elas, a inusitada Tauberbach, uma Dança-Teatro quase sem diálogos que mostra pessoas perdidas em meio ao lixo da civilização.

Balé Jovem Nacional da Alemanha em turnê pelo Brasil

Encerra oficialmente no dia 16 de maio a Temporada da Alemanha no Brasil, e o grand finale fica por conta da dança e da música clássica. Em colaboração com a orquestra Young Euro Classic Brasil-Alemanha, formada por 11 músicos dos dois países, o Balé Jovem Nacional da Alemanha se apresenta em três capitais brasileiras. São elas:

- Salvador, dia 14 de maio, no Teatro Castro Alves.

- Rio de janeiro, 16 de maio, no complexo cultural Cidade das Artes.

- Belo Horizonte, 19 de maio, no Teatro Bradesco.

Leia mais

Links externos