Eagles of Death Metal se apresenta em Paris | Notícias internacionais e análises | DW | 07.12.2015
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages
Publicidade

Mundo

Eagles of Death Metal se apresenta em Paris

Banda americana retorna à capital francesa três semanas após ataques e sobe ao palco ao lado de U2. Eagles of Death Metal tocava no Bataclan quando três terroristas invadiram o local atirando.

Eagles of Death Metal se apresentava no Bataclan quando aconteceu ataque

Eagles of Death Metal se apresentava no Bataclan quando aconteceu ataque

Quase um mês após os ataques em Paris, a banda americana Eagles of Death Metal retornou nesta segunda-feira (07/12) à capital francesa para terminar o show que foi interrompido pelo atentado terrorista na sala de espetáculos Bataclan, onde morreram 89 pessoas.

Em uma apresentação emocionante, o Eagles of Death Metal subiu ao palco ao lado do U2, que havia cancelando shows programados em Paris nos dias 14 e 15 de novembros, após os ataques terroristas.

"Eles foram roubados de seu palco há três semanas e nós gostaríamos de oferecê-los de volta hoje noite", declarou o vocalista do U2, Bono Vox, abraçando o vocalista do Eagles of Death Metal, Jesse Hughes.

Os ataques em Paris marcaram o show desta segunda-feira. "Precisamos pensar também na família dos terroristas. Sei que isso é difícil agora", disse Bono, acrescentado que elas também foram roubadas e tiveram seus entes queridos levados por "uma ideologia que é uma perversão da bela religião que é o Islã".

Fãs se emocionaram com o show. Para o alemão Adolfo Yunes, a apresentação foi a mais comovente que ele assistiu. "Fui ao Batalacan hoje e foi um dos lugares mais tristes que já viu. Não há nada que se possa dizer, tudo que se pode fazer é estar lá- Eu tinha ingressos para um dos shows cancelados e nunca duvidei de que voltaria", completou.

A parisiense Vera Golloch afirmou que nunca havia ido a um show do U2, mas que fez questão de estar presente no desta segunda-feira. "É histórico e importante", disse.

O ataque no Bataclan foi o pior da série de atentados terroristas em Paris no dia 13 de novembro. A banda Eagles of Death Metal estava na sexta canção quando três terroristas invadiram o local atirando, deixando um saldo final de 89 mortos e dezenas de feridos. O show estava esgotado e 1,5 mil pessoas encontravam-se no clube.

Desde a semana passada, após o anúncio de "convidados especiais", fãs do U2 especulavam que a banda Eagles of Death Metal poderia se apresentar com o grupo em Paris. O show na AccorHotels Arena reuniu 16 mil pessoas e contou também a com participação especial da cantora americana Patti Smith.

CN/afp/ap

Leia mais