Berlim ganha a disputa por Knut | Notícias sobre política, economia e sociedade da Alemanha | DW | 09.07.2009
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Berlim ganha a disputa por Knut

Comprado pelo zoológico de Berlim, o urso-polar ficará onde nasceu. Com 2,5 anos de idade e aspecto bem diferente do de quando ficou famoso, Knut continuará sendo a principal atração do zoológico da capital alemã.

O urso nasceu no final de 2006 em Berlim

O urso nasceu no final de 2006 em Berlim

A disputa entre os parques zoológicos de Berlim e de Neumünster teve fim na quarta-feira (08/07) com um acordo feito fora dos tribunais. Aceitando pagar 430 mil euros ao zoológico de Münster, o da capital pode agora ficar com sua maior estrela, o urso-polar Knut.

O valor total será quitado até 2011, mas 350 mil euros devem ser transferidos já este mês. Segundo o diretor do zoo de Neumünster, Peter Drüwa, o dinheiro será investido em infraestrutura. "A maior parte do valor será aplicada em trabalhos de construção e restauração do parque de Neumünster", contou Drüwa.

Aos 2,5 anos de idade, o urso continua sendo a principal estrela do zoológico

Mesmo adulto, urso permanece principal estrela do zoo

O diretor do zoológico berlinense, Bernhard Blaszkiewitz, disse acreditar que a decisão tomada é a melhor para o urso-polar. Demonstrando alívio com o final da disputa, ele acrescentou: "Acredito que não ficaremos pobres".

Atração lucrativa

De acordo com os números dos últimos dois anos, Blaszkiewitz não tem muito a temer. Desde a primeira aparição de Knut em março de 2007, o zoológico de Berlim registrou mais de 7 milhões de visitantes de várias partes do mundo. Somente em 2007, o público superou 3 milhões de pessoas, 27% a mais do que no ano anterior – um lucro de 6,8 milhões de euros para o zoológico.

Knut se tornou também marca para doces e outros produtos

Knut virou marca de doces

Enquanto o astro Knut atraía multidões à capital alemã, Neumünster reivindicava os direitos de posse do mamífero. Knut nasceu em Berlim, mas o acasalamento entre seus pais só foi possível graças ao empréstimo do urso Lars pelo zoo de Neumünster, segundo o qual o direito de posse dos eventuais filhotes já era previsto no contrato de empréstimo de Lars.

Os milhões de ingressos não são a única fonte de lucro para o parque berlinense. De acordo com Gabriele Thöne, responsável pelas finanças do parque de Berlim, a mais recente aquisição é também um símbolo que pode ser usado em publicidade. Exemplos disso são camisetas, bichos de pelúcia, bonés e doces que têm o urso-polar como tema.

Abandonado desde cedo

Apesar de estar crescido, mais solitário e menos brincalhão, aos 2,5 anos de idade, Knut ainda é a principal atração do zoológico mais antigo da Alemanha. Para quem está acostumado a ver o urso no centro das atenções, é difícil imaginar que ele teve uma infância de grandes perdas.

Nos primeiros meses de vida de Knut, o veterinário interagia com ele brincando e alimentando o urso em aparições diárias de duas horas no zoológico

Nos primeiros meses de vida de Knut, o tratador interagia com ele brincando e alimentando o urso em aparições diárias de duas horas

Ele nasceu com apenas 810 gramas em 5 de dezembro de 2006. Logo depois do nascimento, ele e o irmãozinho foram rejeitados pela mãe, Tosca. Pouco tempo mais tarde, o irmão morreu.

Ainda nos primeiros dias de vida, Knut passou a ser cuidado pelo tratador Thomas Dörflein, que ficou conhecido internacionalmente como o "padrasto" do pequeno urso-polar. Em setembro de 2008, Dörflein morreu aos 44 anos, deixando o urso crescer aos cuidados de outros colegas.

EH/dpa/ap

Revisão: Roselaine Wandscheer

Leia mais

Áudios e vídeos relacionados