Apreendidos milhões de euros em operação contra tráfico monetário | Notícias e análises sobre a economia brasileira e mundial | DW | 22.09.2008
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

Apreendidos milhões de euros em operação contra tráfico monetário

Quase 11 milhões de euros em espécie foram apreendidos pela polícia aduaneira em controles nas rodovias e aeroportos. Operação Athena durou uma semana e envolveu países da Europa e da África.

default

Cão farejador descobriu dinheiro escondido em volante

Numa operação conjunta para detectar o fluxo de dinheiro de grupos terroristas, as polícias aduaneiras de vários países europeus apreenderam quase 11 milhões de euros em espécie que estavam sendo transportados ilegalmente para o exterior.

Somente na Alemanha, foram apreendidos entre 10 e 17 de setembro 5,5 milhões de euros que seriam levados para o exterior. Em todo o ano de 2007, haviam sido apreendidos 5,1 milhões de euros. Em outros países da União Européia (UE), assim como na Noruega, Croácia, Argélia, Tunísia e Marrocos foram confiscados outros 5,3 milhões de euros.

A operação Athena envolveu controles em 17 aeroportos alemães e em várias rodovias, especialmente nos acessos a Liechtenstein e à Suíça. "Está sendo transportada grande quantidade de dinheiro em espécie, também oriundo de negócios criminosos", disse Wolfgang Schmitz, porta-voz do departamento de investigações criminais da polícia aduaneira em Colônia.

Nenhum indício de financiamento do terrorismo

Segundo Schmitz, nenhuma das apreensões pode ser diretamente relacionada ao terrorismo, mas "muitos turistas a caminho da Suíça ou de Liechtenstein não conseguiram explicar a origem legal de somas superiores a 10 mil euros". Desde meados de 2007, o transporte de mais de 10 mil euros em espécie dentro da União Européia precisa ser declarado.

A operação, cujo objetivo foi evitar a lavagem de dinheiro e o financiamento do terrorismo global, foi uma sugestão da França, que ocupa a presidência semestral da UE. Até o momento, operações semelhantes foram limitadas ao âmbito regional, por isso, pelo seu aspecto internacional, Athena foi incomum, explica Schmitz.

Na batida, foram empregados também cães farejadores que detectam a localização de dinheiro. Existem cinco destes animais na Alemanha. Um deles, Rex, descobriu dinheiro escondido dentro do volante de um carro, no lugar do airbag. A bordo do veículo, estava um casal que pretendia contrabandear 25 mil euros para Liechtenstein.

Leia mais