1. Pular para o conteúdo
  2. Pular para o menu principal
  3. Ver mais sites da DW
Amazon
As ações da Amazon saltaram 75% em 2018, adicionando 435 bilhões de dólares em valor de mercadoFoto: picture-alliance/dpa/S. Mortagne

Amazon supera 1 trilhão de dólares em valor de mercado

4 de setembro de 2018

Gigante do comércio online é a segunda companhia a alcançar a marca em Wall Street, um mês depois da Apple. Ações chegam a 2.050 dólares, refletindo influência das empresas de tecnologia nos mercados.

https://p.dw.com/p/34ImZ

A Amazon atingiu nesta terça-feira (04/09) 1 trilhão de dólares em valor de mercado, tornando-se a segunda companhia a alcançar a marca em Wall Street, depois da Apple.

A gigante do comércio eletrônico chegou à avaliação recorde às 12h40 (horário de Brasília), quando o preço de suas ações atingiu 2.050,50 dólares. O valor recuou ligeiramente após atingir a marca e, perto das 13h, estava em 2.035,97 dólares.

A valorização da Amazon foi especialmente alta neste ano, com as ações saltando 75% e adicionando um montante de 435 bilhões de dólares ao valor de mercado da empresa.

O feito da Amazon e da Apple – que atingiu a marca de 1 trilhão de dólares de valor de mercado em 2 de agosto, embora seja 18 anos mais velha que a primeira – mostra a crescente influência das empresas de tecnologia nos mercados e na economia.

"A indústria está acumulando riqueza e poder, criando uma nova ordem nos negócios, em que o recurso mais valioso não é mais o petróleo, mas dados", escreveu o Wall Street Journal.

Logo atrás das duas empresas estão a Alphabet, proprietária da Google, e a Microsoft, ambas se aproximando de um valor de mercado de 900 bilhões de dólares. Já o Facebook cruzou os 500 bilhões de dólares em julho de 2017, um dia depois da Amazon, mas assim se mantém em razão de recentes escândalos de vazamento de dados de usuários.

A Amazon foi fundada em 1994 pelo americano Jeff Bezos, em Seattle, e cresceu exponencialmente desde seus primórdios, quando funcionava apenas como uma livraria online, até os dias de hoje, tendo se consagrado uma gigante que abrange vários setores.

A empresa, que concorre diretamente com as lojas Walmart, está na linha de frente das últimas tendências em inteligência artificial com seu programa de assistência pessoal Alexa.

Outros empreendimentos incluem a compra, em 2017, da cadeia de mercados Whole Foods e uma presença crescente na produção original de filmes e séries, que são disponibilizados aos assinantes de seu serviço de streaming Amazon Prime – que também dá acesso a outras vantagens, como frete grátis em compras online.

O número de funcionários da Amazon chegou a 575 mil, e seus lucros têm mostrado ganhos impressionantes. No trimestre mais recente, a companhia registrou 2,5 bilhões de dólares em lucros, um aumento de 12 vezes em relação ao mesmo período do ano anterior.

O sucesso da empresa tornou neste ano Bezos, seu fundador e presidente, a pessoa mais rica do mundo segundo a revista Forbes, com uma fortuna avaliada em 112 bilhões de dólares – destronando o fundador da Microsoft, Bill Gates, que liderou o ranking 18 vezes nos últimos 24 anos.

EK/afp/ap/ots

______________

A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas. Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube | WhatsApp
 | App | Instagram | Newsletter

Pular a seção Mais sobre este assunto
Pular a seção Conteúdo relacionado