João Lourenço espera que Samakuva tenha ″vindo para ficar″ na UNITA | NOTÍCIAS | DW | 25.10.2021

Conheça a nova DW

Dê uma vista de olhos exclusiva à versão beta da nova página da DW. Com a sua opinião pode ajudar-nos a melhorar ainda mais a oferta da DW.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

NOTÍCIAS

João Lourenço espera que Samakuva tenha "vindo para ficar" na UNITA

João Lourenço dá posse a Isaías Samakuva no Conselho da República em cerimónia que antecede reunião do órgão. Presidente angolano destaca qualidades do dirigente partidário que esteve à frente da UNITA durante 16 anos.

O presidente angolano, João Lourenço, afirmou esta segunda-feira (25.10) esperar que Isaías Samakuva, que voltou à presidência da UNITA depois do afastamento de Adalberto da Costa Júnior, tenha "vindo para ficar", na cerimónia em que foi reempossado como conselheiro da República.

Isaías Samakuva regressou à liderança da União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA) até à eleição de um novo presidente para o maior partido da oposição angolana, na sequência do acórdão do Tribunal Constitucional que ditou a anulação do XIII Congresso do partido do "Galo Negro" e consequentemente a destituição de Adalberto da Costa Júnior, que tinha vencido no congresso a corrida à presidência do principal partido da oposição.

João Lourenço, que hoje deu posse a Isaías Samakuva como conselheiro da República na cerimónia que antecede hoje a reunião deste órgão consultivo do Presidente angolano, destacou as qualidades do dirigente partidário que esteve à frente da UNITA durante 16 anos.

"Quis o destino que a pátria o chamasse pela segunda vez para desempenhar o mesmo papel, facto que não é comum, por essa razão gostaria de aproveitar esta oportunidade para felicitá-lo", disse João Lourenço a Isaías Samakuva, destacando as suas qualidades. "Foi durante algum tempo já nosso colega no Conselho da República porquanto sabemos o que esperamos de si. Enquanto mais uma vez conselheiro do Presidente da República, espero que desta vez venha para ficar", acrescentou.

 Rocha Pinto & CazengaAngola Luanda - UNITA - Ende des Wahlkampfs

Samakuva volta a frenquentar o Conselho da República

Descartar especulações

O Presidente da República, João Lourenço, convocou para hoje uma sessão do Conselho da República para abordar a situação da Covid-19 em Angola, apresentação do relatório do processo de auscultação pública sobre a alteração da Divisão Política Administrativa e a preparação do processo eleitoral.

Num comunicado do secretariado executivo do seu Comité Permanente, a UNITA decidiu que compete a Samakuva "tomar posse e ocupar o assento reservado à UNITA no Conselho da República e exercer todas as competências reservadas ao cargo", descartando "qualquer especulação à volta das competências do líder da UNITA".

O Tribunal Constitucional (TC) de Angola anulou o XIII Congresso da UNITA, em que foi eleito Adalberto da Costa Júnior, invocando a violação da Constituição e dando razão a um grupo de militantes do partido, que requereu a nulidade do congresso invocando várias irregularidades.

Entre as alegadas irregularidades consta a dupla nacionalidade de Adalberto da Costa Júnior à data de apresentação da sua candidatura às eleições do XIII Congresso. O acórdão foi assinado por sete dos onze juízes conselheiros e não foi unânime, tendo votado vencida a juíza Josefa Neto. Na semana passada, a UNITA decidiu agendar um novo congresso que deverá realizar-se até 04 de dezembro.

Assistir ao vídeo 04:38

Humor: A "cómica" história do povo angolano

Leia mais