1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Continua disputa entre Bayern e Schalke

Primeira rodada do segundo turno do Campeonato Alemão não muda posições no topo da tabela. Bayern de Munique e Schalke somam 37 pontos cada, mas o Bayern lidera por saldo de gols.

default

Ailton (ao centro) e Lincoln (10) comemoram vitória do Schalke

A primeira rodada do returno do Campeonato Alemão não mudou as posições dos favoritos ao título da temporada 2004/2005. Bayern de Munique e Schalke mantiveram-se na liderança, empatados com 37 pontos cada, mas o Bayern leva vantagem no saldo de gols.

No clássico Norte-Sul, disputado na sexta-feira à noite (21/01), no gramado coberto de neve do Estádio Olímpico de Munique, o Bayern derrotou o Hamburgo por 3 a 0. O peruano Pizarro abriu o placar com um gol de cabeça, aos 21 minutos do primeiro tempo. Schweinsteiger e Makaay ampliaram o marcador, respectivamente, aos três e dez minutos da segunda etapa.

"Estou muito satisfeito com o resultado, porque ganhamos de um adversário forte", disse o técnico do Bayern, Felix Magath. Desde abril de 1982, o Bayern mantém-se invicto contra o Hamburgo, time no qual nesta sexta-feira estreou mais um brasileiro na Bundesliga: o lateral-esquerdo Jean Carlos Dondé, de Canoinhas (SC), emprestado ao clube alemão pelo Feyenoord Rotterdam da Holanda.

Ailton mantém Schalke na corrida pelo título

Vinte horas depois da impressionante vitória do Bayern de Munique, o Schalke derrotou o Bremen por 2 a 1, igualando-se em pontos com o time da capital da Baviera. Num jogo nervoso no estádio de Gelsenkirchen, o centro-avante Ailton (ex-Bremen) garantiu com um gol aos 22 minutos do segundo tempo a primeira vitória do Schalke nos últimos dois anos contra o atual campeão da Alemanha.

O gol de Ailton gerou mais uma das inúmeras discussões do jogo, porque não ficou claro, se ele estava ou não em impedimento passivo ou ativo na hora em que foi lançado. Isso porém, não impediu o meia Lincoln, o outro brasileiro do Schalke, de comemorar duplamente: a vitória e seu aniversário.

Fußball Bundesliga 04/05 Spezialbild 1. Spieltag VfB Stuttgart - FSV Mainz 05

Técnico do Stuttgart, Matthias Sammer, manda o time para frente no jogo contra o Mainz

Stuttgart ganha de virada

Duvidoso foi também o primeiro gol marcado pelo Mainz, aos 13 minutos do primeiro tempo, no confronto com o Stuttgart. O lançamento de Silva encontrou Gerber supostamente impedido, mas este não vacilou diante do terceiro goleiro da Seleção Alemã, Hildebrand, que já decidiu não mais renovar seu contrato com o Stuttgart.

No segundo tempo, o Stuttgart contou com a ajuda de um frango do goleiro do Mainz e ainda conseguiu virar o placar para 3 a 2, com gols de Hleb, do brasileiro Cacau, e de Teinert (já nos descontos). Apesar do susto pregado pelo Mainz, novato na Bundesliga, o Stuttgart mereceu a vitória pelo melhor desempenho no segundo tempo e segue em terceiro lugar na tabela.

Wolfsburg em queda

13. Spieltag Bundesliga: VfL Wolfsburg - VfB Stuttgart 3:0

Wolfsburg sentiu a falta do goleador Thomas Brdaric

Já o Wolfsburg, que liderou várias vezes o Campeonato Alemão no primeiro turno, começou o returno perdendo de 2 a 1 para o Borussia Dortmund, no sábado (22/01). Como ocorreu em várias partidas deste fim de semana, também o jogo em Wolfsburg foi fraco e marcado pela falta de pontaria dos atacantes no primeiro tempo.

O recém-contratado Smolarek abriu o placar para o Dortmund aos 10 minutos do segundo tempo. Cinco minutos depois, o centro-avante Koller ampliou o marcador para 2 a 0, embora a zaga do Wolfsburg tivesse reclamado impedimento. Aos 37 da segunda etapa, Quiroga ainda marcou o gol de honra, mas já era tarde para o Wolfsburg, que sentiu a falta do goleador Brdaric (de cama com bronquite).

Nürnberg perde em casa

O 1. FC Nürnberg perdeu de 3 a 1 para o Kaiserslautern, com o qual estava empatado em pontos, antes do jogo de sábado. Embora o time da casa tenha jogado melhor no primeiro tempo, foi surpreendido pela frieza dos contra-ataques adversários nas segunda etapa. Lembi, o estreante Blank e Grammozis, de falta, marcaram os gols do Kaiserslautern. Müller descotou para o 1. FC Nürnberg.

Depois de um início empolgante, a partida do Hansa Rostock contra o Freiburg virou literalmente um "luta contra o rebaixamento". Uma cena típica: aos 42 minutos do primeiro tempo, quatro jogadores do Freiburg perderam uma imperdível chance de gol contra apenas dois apenas dois zagueiros do Rostock. O resultado não podia ser outro: 0 a 0.

Leverkusen vence, Bochum reconquista esperança

O Bayer Leverkusen estragou a festa de inauguração do estádio do Hannover 96, construído para a Copa 2006, e ao mesmo tempo deu um belo presente de boas vindas ao seu diretor esportivo, Rudi Völler, que retornou ao clube.

Num jogo empolgante, o Leverkusen derrotou o Hannover por 3 a 0, com gols de Woronin (aos 18 minutos), Berbatow (aos 36) e Freier aos 13 da segunda etapa. "Fizemos os gols na hora certa", disse o técnico do Leverkusen, Klaus Augenthaler. "Hoje perdemos merecidamente para um timaço", reconheceu o treinador do Hannover, Ewald Lienen.

Na luta contra o rebaixamento, o VfL Bochum garantiu um ponto valioso em casa, empatando em 2 a 2 com o Hertha BSC Berlim. No primeiro tempo, o time da capital alemã até arrancou um elogio do técnico da Seleção Alemã, Jürgen Klinsmann, que se disse "impressionado com algumas jogadas".

O angolano Rafael (aos três minutos) e brasileiro Gilberto (16.) marcaram os gols do Berlim. Madsen (de pênalti) e o atacante tcheco Lokvenc marcaram os gols do Bochum. "Jogamos melhor, mas provocamos muitas faltas, favorecendo o Bochum, que não criou nenhuma chance de gol por conta própria", disse irritado o técnico do Berlim, Falko Götz.

Leia mais