Uma visita ao ″hotel-caverna″ de Matera | Cultura europeia, dos clássicos da arte a novas tendências | DW | 12.07.2019
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Uma visita ao "hotel-caverna" de Matera

Matera, no sul da Itália, é famosa pelas cavernas. O centro histórico da cidade, chamado de Sassi di Matera, é formado por inúmeras estruturas escavadas na rocha que no passado serviam de moradia popular.

Assistir ao vídeo 04:21

Devido à superlotação e a um surto de malária, as cavernas de Matera foram evacuadas nos anos 1950 e ficaram por muito tempo abandonadas. A mudança veio em 1993, quando a UNESCO reconheceu o ‘Sassi di Matera’ como Patrimônio da Humanidade. Para evitar que as moradias ficassem abandonadas, Daniele Kihlgren transformou 18 cavernas em um hotel de luxo tentando manter ao máximo a estrutura original. A estadia no local custa de 400 euros a 2 mil euros por noite.