Trump sugere armar professores nas escolas | Notícias internacionais e análises | DW | 22.02.2018
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Trump sugere armar professores nas escolas

Em encontro com sobreviventes e parentes de vítimas, presidente americano diz que proposta pode desencorajar ataques. Ele também promete reforçar verificações de saúde mental, antecedentes e idade de compradores.

Assistir ao vídeo 01:20

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sugeriu a possibilidade de alguns professores ou funcionários das escolas portarem armas de maneira escondida para responder rapidamente em casos de ataques.As sugestões foram feitas, na quarta-feira (21/02), após o presidente ter recebido na Casa Branca um grupo de sobreviventes e parentes de vítimas de ataques a tiros em instituições de ensino nos EUA. Entre os presentes estavam seis alunos da escola de Parkland, na Flórida, onde 17 pessoas morreram na semana passada. "Há algo que se chama portar armas de forma oculta, e que só funciona quando você tem gente treinada para isso. Os professores teriam uma permissão especial, e [a escola] já não seria uma área livre de armas da qual os 'maníacos' podem se aproveitar", disse.