Trilha sonora da crise: Deolinda | Jovens encontram alternativas | DW | 26.02.2013
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Portugal

Trilha sonora da crise: Deolinda

Como soa a crise? Em alguns países, soa mais como canção de amor do que como música de protesto. Quer ouvir? Aqui está uma amostra de Portugal.

Die portugiesische Band Deolinda Copyright: Rita Carmo

Deolinda

Eles não são punks, mas reivindicam o fim do sistema. Com sua música, o grupo português Deolinda encorajou protestos em massa por todo o país.

Assistir ao vídeo 03:54
Ao vivo agora
03:54 min

Ouça "Parva que sou"

Os quatro músicos do Deolinda fazem uma espécie de folk-pop, fortemente ligado ao fado, o tradicional estilo musical português. Suas músicas são calmas e melódicas.

Em janeiro de 2011, eles lançaram a música Parva Que Sou, que fala da desesperança de sua geração, do descontentamento com o desemprego, dos contratos temporários e baixos salários. No dia 12 de março de 2011, através do Facebook, os jovens portugueses foram chamados às ruas para protestar. Cerca de 300 mil pessoas participaram da manifestação nesse dia.

Áudios e vídeos relacionados