Tecnologia de reconhecimento facial é usada para se autorizar pagamentos na China | Notícias internacionais e análises | DW | 15.02.2018
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Tecnologia de reconhecimento facial é usada para se autorizar pagamentos na China

O novo modelo de loja de conveniências está chegando com força no mercado chinês pregando conceitos de automação completa com alta tecnologia.

Assistir ao vídeo 01:33

Lojas de conveniência que não precisam de funcionários. O produto é registrado eletronicamente e o pagamento ocorre no caixa com um aplicativo. Cinco câmeras vigiam o local apontado como o possível “supermercado do futuro”. Se alguém não paga ou esconde algo, uma central lembra que está faltando o pagamento. A empresa Bingobox tem 200 unidades que usam o sistema em Pequim.