Presidente chileno se desculpa por gafe diplomática na Alemanha | Notícias sobre política, economia e sociedade da Alemanha | DW | 26.10.2010
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Presidente chileno se desculpa por gafe diplomática na Alemanha

Sebastián Piñera causou desconforto entre as duas nações ao escrever a frase "Deutschland über alles" no livro de visitas do presidente alemão, sem perceber o elo entre a expressão e o regime nazista.

default

Sebastián Piñera esteve na Alemanha em visita política

O presidente do Chile, Sebastián Piñera, desculpou-se oficialmente pelo desconforto diplomático que causou no sábado passado em Berlim, durante viagem à Alemanha.

Sem saber que fazia uma referência ao nazismo, Piñera escreveu a expressão Deutschland über alles (A Alemanha acima de tudo, em português), no livro de visitas do presidente alemão, Christian Wulff.

"Eu não tinha consciência de que essa frase poderia estar ligada ao passado obscuro desse país e, portanto, lamento e peço desculpas pelo ocorrido", afirmou Piñera durante encontro com empresários nesta terça-feira (26/10), em Santiago do Chile.

O político alegou que sua intenção era agradecer a ajuda da Alemanha após o terremoto que devastou o Chile em fevereiro, bem como se mostrar grato pelo auxílio que recebeu durante o resgate dos 33 mineiros que ficaram presos numa mina no deserto.

Hino nacional

A frase escrita por Piñera é o verso inicial da canção Lied der Deutschen ( Canção dos alemães , em português), escrita em 1841 por August Heinrich Hoffmann.

Com a frase Deutschland über alles , Hoffmann referia-se aos esforços para a unificação dos estados alemães num único país, a Alemanha. Em 1922, durante a República de Weimar, a canção, que é composta de três estrofes, foi declarada o hino nacional alemão.

Durante o período nazista, a segunda e a terceira estrofes foram suprimidas e apenas a primeira era cantada, o que criou a associação entre a expressão Deutschland über alles e o nazismo.

Com o fim da Segunda Guerra, a Canção dos alemães continuou sendo o hino nacional alemão, mas apenas a terceira estrofe era cantada. Em 1991, após a Reunificação, a terceira estrofe foi oficializada como sendo o hino nacional.

MDA/dpa/afp/reuters
Revisão: Alexandre Schossler

Leia mais