Onda de frio da Sibéria deixa Veneza coberta de neve | Primeira Guerra | DW | 02.03.2018
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Primeira Guerra Mundial

Onda de frio da Sibéria deixa Veneza coberta de neve

No inverno é possível que faça frio intenso em Veneza, mas é difícil que haja as condições meteorológicas propícias para nevar. A onda de frio siberiana continua ocasionando paisagens raras na Itália.

Assistir ao vídeo 01:05

A temperatura na cidade chegou a 2 graus nesta sexta-feira. No início da semana ventos derrubaram um pilar da “Ponte della Libertà” em Veneza. Outras cidades italianas, como Florença e Bolonha, também amanheceram cobertas de neve.