Mujica: ″Não terá limite o acúmulo de riqueza de um indivíduo?″ | Notícias sobre a América Latina e as relações bilaterais | DW | 05.11.2018

Conheça a nova DW

Dê uma olhada exclusiva na versão beta da nova DW. Sua opinião nos ajudará a torná-la ainda melhor.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

América Latina

Mujica: "Não terá limite o acúmulo de riqueza de um indivíduo?"

Nesta semana, em sua videocoluna, Pepe Mujica reflete sobre a economia política: "O capitalismo gerou um progresso fantástico, mas como qualquer construção humana, tem sua contrapartida. E uma de suas contrapartidas é a imensa desigualdade que ele criou pelo mundo."

Assistir ao vídeo 03:58

José Mujica explica que é natural a política ter evoluído para deixar, pelo caminho, primeiro a filosofia, depois a economia política, e refugiar-se em uma economia econometrista, onde o que contam são os números, o PIB, o grau de investimento, a capacidade do mercado de ações, a pós-verdade.