Merkel e Trump se reúnem e debatem crises internacionais | Notícias internacionais e análises | DW | 06.07.2017
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

G20

Merkel e Trump se reúnem e debatem crises internacionais

Na véspera da cúpula do G20 em Hamburgo, líderes da Alemanha e dos EUA falam sobre Coreia do Norte, Oriente Médio e Ucrânia e deixam em aberto se proteção ambiental também foi tema da reunião bilateral.

Donald Trump e Angela Merkel em Hamburgo

Merkel recepcionou o presidente dos Estados Unidos em Hamburgo

A chanceler federal alemã, Angela Merkel, e o presidente dos EUA, Donald Trump, falaram sobre crises internacionais e temas da agenda do G20 durante um encontro de cerca de uma hora em Hamburgo, nesta quinta-feira (06/07), segundo o governo alemão.

O ministro do Exterior da Alemanha, Sigmar Gabriel, e o secretário de Estado dos EUA, Rex Tillerson, também participaram da reunião, na qual se debateram temas como o programa nuclear da Coreia do Norte, a situação no Oriente Médio e o conflito na Ucrânia.

Leia mais: O que os países esperam da cúpula do G20

Antes do encontro, Merkel havia dito que os debates sobre proteção ambiental "não serão fáceis" durante a próxima cúpula do G20, em alusão à decisão de Trump de retirar os Estados Unidos do Acordo do Clima de Paris. Assessores de ambos não disseram se o assunto foi tema do encontro bilateral em Hamburgo.

A reunião de Merkel e Trump ocorreu na véspera da cúpula das maiores nações industrializadas e emergentes, que começa nesta sexta-feira e prosseguirá neste sábado em Hamburgo. A Alemanha ocupa a presidência rotatória do grupo e é anfitriã do encontro.

Infografik G20 Reichtum POR

A cúpula promete ser um campo de batalha sobre políticas climáticas e também deve chamar atenção o primeiro encontro entre Trump e o presidente russo, Vladimir Putin. Após cancelar sua participação na cúpula, Michel Temer voltou atrás.

Cerca de 30 manifestações – com os objetivos de apelar pelo respeito ao meio ambiente e criticar Trump, entre outros – estão previstas em Hamburgo durante o evento. Nesta quinta-feira, uma manifestação intitulada Welcome to Hell reuniu milhares de pessoas, e foram registrados confrontos entre manifestantes e policiais.

AS/dpa/rtr/afp

Leia mais