Marx também é pop | Cultura europeia, dos clássicos da arte a novas tendências | DW | 03.05.2018

Conheça a nova DW

Dê uma olhada exclusiva na versão beta da nova DW. Sua opinião nos ajudará a torná-la ainda melhor.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Marx também é pop

Karl Marx queria desencadear uma revolução e libertar os trabalhadores das amarras do capitalismo. Ironicamente, hoje a figura de Marx é uma grande fonte de lucro.

Assistir ao vídeo 03:56

Karl Marx sobre a fama: "A vaidade deixa qualquer um lisonjeado. Mas quem se entrega à fama termina como uma casca vazia, uma sombra de si mesmo."

As ideias dele foram revolucionárias, mudaram sociedades e o curso da história. Mas, além de muito citado nas ciências econômicas e sociais, Marx virou um ícone pop. A imagem dele estampa pôsteres, virou personagem de desenho animado, de diversos programas humorísticos e muitos tipos de souvenir.  Marx virou sinônimo de rebelião e não conformismo. O que a indústria do entretenimento percebeu e conseguiu converter em lucro transformando Marx em um "instrumento" do capital.